Domingo, 7 de Junho de 2009
Contados os votos...

PARABÉNS PORTUGAL

(Que, finalmente, começa a acordar da anestesia "xuxialista")

Parabéns, naturalmente, ao

À Dra. Manuela Ferreira Leite, que comprovou saber gerir os seus tempos;

A Paulo Rangel e à sua equipa, que quiseram e souberam ACREDITAR!

Um exemplo para o futuro próximo!

Fica a prova de que é preciso falar e agir por um  



Publicado por rui.freitas às 20:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

12 comentários:
De Open your eyes a 8 de Junho de 2009 às 11:02
Caro Rui Freitas

Atenção a estes resultados. O PSD que não embandeire em arco porque este acto não é inferível para o verdadeiro acto eleitoral que os portugueses aguardam.
Muito sinceramente, acredito que o resultado destas eleições, ao invés de unirem o partido, irá tirar os ratos do PSD da toca, tendo em conta o forte cheiro a poder que paira no ar.
Não gostei de ver uma série de "históricos" a ladearem a líder como que a puxar para si alguma visibilidade. Este seria o momento ideal para junto da líder aparecerem caras novas que dêem uma nova imagem ao partido, e por consequencia, um novo alento de alternativa junto do eleitorado.
Mas não, lá estavam o Arnaut , o Guedes, e outros que recentemente foram a cara da derrota deste partido.

é por isto, e por se insistir numa líder sem carisma, fortemente ligada a um passado recente negativo do partido, que continuo a não acreditar na vitória deste no próximo combate que se avizinha.

E ai sim, será sem duvida a maior derrota do PSD.


De Carlos Silva a 8 de Junho de 2009 às 23:20
Plenamente de acordo com o comentário de OPEN YOUR EYES ". São necessárias caras novas, sem dúvida, o séquito presidencial deve mudar. Não é de embandeirar em arco, menos de 32 % é uma vitória? Pelo andar da carruagem vamos ter o PS e o PSD com 30 a 35% e, por isso...um "Bloco Central", que só aceitarei nas seguintes circunstâncias:
- Que tal hipótese seja colocada antes do acto eleitoral;
- Que os militantes do PPD/PSD sejam consultados em referendo interno vinculativo sobre uma coligação governamental com o PS.
Fora deste cenário não votarei PSD, em primeira instância e a ser colocado em cenário pós eleitoral sem consulta aos militantes, é óbvio que não abandonaria o Partido, mas faria uma oposição interna tendente á queda da actual Direcção.
Perante o cenário que se vislumbra, é este o caminho que prevejo para a minha militãncia basista.
Quem ganhou foi o BE, que vai continuar a crescer, atrevo-me a dizer que "meterá" um Vereador em Oeiras, falta saber a quem vai "comê-lo". Ou a MFL "agarra" Oeiras ou então vamos perdê-la definitivamente. Até breve.


De rui.freitas a 9 de Junho de 2009 às 03:16
Carlos, Carlos, você, que se diz militante PSD, tem coragem de também parafrasear Francisco Louçã? "menos de 32 % é uma vitória?"
Claro que é uma Vitória, soube-me a Vitória e foi uma Derrota para o PS. Ou não assistiu às transmissões televisivas e às "saídas de cena" cabisbaixas dos "xuxialistas"? Eu, sim!
Você não aceita muita coisa mas exige muito mais, já reparou?
Acaso se deu ao trabalho de votar na "sondagem" deste "blog" acerca da "coligação PSD/PS"? Ou o único voto favorável que lá está é o seu?
Eu também não pretendo um "bloco central", razão de ser da "sondagem" aqui colocada. Mas não tenho razões para preocupar-me, pois - contrariamente a você e ao "Open your eyes" - reconheço que Manuela Ferreira Leite é Senhora de uma palavra só. E já a expressou...
Como diz que "quem ganhou foi o BE", até já antevê um vereador bloquista em Oeiras. Com o meu voto, não será certamente!
Apesar de tudo, lamento que a sua "militância basista" esteja a terminar, pois contrariamente ao que afirma, eu sim, acredito que esta foi a primeira de três Vitórias este ano para o PSD!
Aproveite, e leia a resposta ao outro comentário...


De Carlos Silva a 10 de Junho de 2009 às 00:35
Caro Rui Freitas, ao contrário de alguns eu não esqueço o "Bloco Central" de 82, protagonizado por Carlos Alberto da MOTA PINTO, um dos maiores opositores internos a Sá Carneiro, que se entregou nas mãos de Mário Soares;
Não esqueço que Rui Machete, actual Presidente da Mesa do Congresso, e António Capucho, Presidente da Câmara de Cascais e membro do Conselho Nacional, foram membros do Governo do Bloco Central. Eu não esqueço! Obviamente que 31,7% não é uma vitória, se extrapolássemos o resultado para umas Legislativas seria um vitória de "Pirro". Foi importante? Obviamente que sim: candeia que vai á frente alumia duas vezes. Não sou "bloquista", admito e acredito que o BE tem subido à custa das manigâncias do PS e do PSD, assim não fora não passaria dum partidozeco de extrema-esquerda, sendo hoje um partido da extrema-esquerda. O discurso do BE é todo ele errado? Não, claro que não, aproveita o descontentamento real gerado por políticas erradas do PS e do PSD (nós também não estamos isentos de responsabilidades), eles fazem o trabalho de casa, aparecem nos locais de trabalho, sobretudo em empresas em dificuldades e nós, que temos uma forte presença sindical, envergonhamo-nos de estar com os trabalhadores. Duvida que o Bloco não vai obter um Vereador? Eu ando na rua, estou diariamente em contacto com o POVO, sinto o seu "pulsar" e o PS e o PSD vão continuar a ser penalizados, não tenha dúvidas. Bloco Central para quê? As crises também são benéficas, como se viu há 22 anos quando o PRD de Ramalho Eanes, mais um inimigo de Sá Carneiro, resolveu derrubar o governo minoritário de Cavaco Silva. Não é nenhum drama termos um governo minoritário do PSD, quem o derrubar que assuma as responsabilidades. Quanto à "grande" Senhora, ando há muitos anos nisto para não esquecer as "cambalhotas" e os políticos afirmam hoje o que ontem era mentira e hohe desmentem o que ontem disseram. Tal como o Rui Freitas, ando "nisto" há muito anos, não em Oeiras, sim na antiga Secção C, hoje Secção Oriental, orgulho-me de ter estado na vitória da AD/Nuno Krus Abecassis que derrotou o PS de Aquilino Ribeiro Machaso, orgulho-me de ter contribuido para a vitória da AD na Junta de Freguesia de Santa Maria dos Olivais, etc. Ingressei no PSD no dia 7 de Janeiro de 1980, dia seguinte ao funeral de Sá Carneiro e com este aprendi a ser "rebelde", a ir contra tudo e contra todos se tiver a certeza absoluta que estou certo nas minhas convicções e afirmações. Sá Carneiro foi o primeiro a querer enviar os militares para os quartéis, atacou ferozmente o Conselho da Revolução, cerceador da liberdade política, foi atacado dentro do PSD. Num Congresso no Porto foi o único que votou contra uma proposta de alguns "traidores" que se manifestavam a favor de Eanes, do Conselho de Revolução e do grupo intitulado "Documento dos Nove", composto por Melo Antunes, Vasco Lourenço, Franco Charais, Vitor Alves, Canto e Castro e outros quejandos, cuja intenção era perpetuar o poder comunista no sindicatos e no aparelho de Estado. Orgulho-me de ter sido sindicalizado na UGT, que nasceu da Carta Aberta de 77 contra a unicidade sindical, transitando para o SITESE assim que este Sindicato, ainda hoje filiado na UGT, se constituiu. Como Sá Carneiro, sou um "rebelde", não abdico das minhas convicções, ainda que seja o único a defendê-las, sou favorável a uma cadavez maior participação dos militantes nas escolhas do candidato presidenciail, dos candidatos a deputados europeus e da AR, não admito que as Secções e Concelhias sejam excluídas ou marginalizadas das escolhas dos candidatos autárquicos. A Democracia é das bases para o topo e nõa do topo para as bases. É óbvio que sou exigente, já dei muito ao PPD/PSD, exijo ser respeitado e se respeitado é ser ouvido. Quem tem medo de referendos internos? Os mesmos que não aceitaram o resultado que conduziu à escolha de Isaltino em vez de Teresa, precisamente os mesmos. Como disse e repito, sou PPD/PSD, vou lutar pela vitória, seja com Pedro Simões ou qualquer outro candidato, mas em caso de maioria simples, obviamente que defenderei uma coligação pós eleitoral com o IOMAF. Para mim, Oeiras está à frente de quaisquer jogadas políticas que a CPN nos queira impor, custe o que custar.


De NOÉ a 10 de Junho de 2009 às 20:19
Com o Pedro Simões nem com o CDS/PP negoceias....


De Carlos Silva a 11 de Junho de 2009 às 00:28
Pelos vistos nem com o Pedro Simões, nem com ninguém. Vai o Nóe (será o da Arca?) negociar e candidatar-se...


De rui.freitas a 11 de Junho de 2009 às 01:28
Se calhar, é isso. Porque eu não tenho nem tenciono negociar com ninguém!


De rui.freitas a 11 de Junho de 2009 às 01:41
Caro Carlos Silva (10 de Junho - 00:35), não possuo os seus pergaminhos no Partido e lamento-o. A sério! Porque, contrariamente ao que já aqui foi comentado, eu não me "transferi" directamente do PC para o PSD; fiz uma auto-imposta "travessia do deserto" e apenas em 1991 me filiei no PSD. É verdade que me filiei em 1987, em Cascais, onde trabalhava, mas a minha Proposta de Militante "esfumou-se", vá-se lá saber porquê!?
Por outro lado, desconheço, na prática (mas apenas de ler e ouvir), muitos dos casos que refere, pois não deve esquecer que vim viver para Paço de Arcos em 1980; até aí, vivi na Ilha onde nasci: a Madeira!
Eu também "ando na rua" e, por isso, acho que a população menos jovem sabe distinghuir o trigo do joio; o BE tem a vantagem que o PCP antes usava: sabe que não será nunca governo, podendo assim prometer mundos e fundos, "apontar" caminhos de revolta, até de revolução, mas apenas concitará o voto dos jovens (rebeldes por natureza, como nós fomos) e dos descontentes com tanto apertarem o cinto. Mesmo com o PSD, claro, ou julga que também tenho memória curta? Claro que não estamos isentos de culpa! Há que mudar e adaptar as formas de estar e aparecer na cena política. Os tempos são de mudança!
Fico-me por aqui, pois pela minha parte estão encerradas as respostas as "razões" que lhe assistem em discutir "manigâncias" da Secção de Oeiras!


De Carlos Silva a 11 de Junho de 2009 às 21:30
Meu caro Rui Freitas: finalmente começamos a olhar para a "nossa" casa PPD /PSD). Regra geral esquecemo-nos que temos "telhados de vidro" e se nos encontramos neste beco sem saída (daí o ´"Portugal Encurralado" e o "Sem Luz ao Fundo do Túnel") o PS tem grande responsabilidade, mas nós não estamos isentos. Vou-lhe contar algumas acções em que intervim, não para me gabar ou vangloriar, nada disso, factos são factos e, apesar de estar prestes a atingir 6 décadas de idade mantenho a minha rebeldia (acho que o companheiro também é um "bom rebelde"), em 1994, afastado das lides partidárias basistas por promessa feita á minha mulher, e devido á actividade que então exercia (vendedor, vulgo caixeiro-viajante) insurgi-me contra a entrega da Ponte Salazar/25 de Abril à Lusoponte e ao aumento das portagens. Elaborei uns comunicados e no dia em que os ia entregar (e entreguei) foi precisamente no dia 24 de Junho, feriado em Almada e dia do Bloqueio. A partir daí o meu envolvimento foi aumentando, ouvindo reprimendas da minha mulher a quem tinha prometido abandonar toda e qualquer actividade politica. Foi então decidido na Comissão de Utentes ir à Festa do Pontal distribuir uns cartazes, o que fiz, introduzindo-me pelo facto de ser militante e ter o cartão para o comprovar (o cartão antigo tinha foto, o meu actual foi emitido em 1998, durante a Presidência de Marcelo Rebelo de Sousa e assinado pelo então Secretário-Geral, Rui Rio). Comecei a distribuição dos panfletos, começou o burburinho, até que fui manietado por 2 seguranças (nunca soube se eram da organização, se do Corpo de Segurança Pessoal da PSP, já que lá se encontrava o 1.º Ministro, actual PR ). Após provar a minha identidade e filiação partidária, fui amavelmente convidado a retirar-me, o que fiz, mantendo a distribuição dos cartazes fora do perímetro, ainda que alguns companheiros me apelidassem de "comuna", já que Cavaco Silva era o seu (deles) "Deus". Tenho fotos e cassetes 8mm e VHS que um dia poderei mostrar sobre a minha intervenção no Bloqueio e Buzinão que, como em tanta coisa, foi desvirtuada por infiltrados do PCP, que acabaram por se apoderar da Direcção da Comissão de Utentes da Ponte 25 de Abril. Um deles é hoje Vereador na Câmara de Almada (Hernâni...o apelido acho que você sabe). Foram homens do PSD que lideraram o Bloqueio (irmãos Pinto). O Ferreira do Amaral estava borrado de medo, foi preciso chamar o Dias Loureiro e o Corpo de Intervenção da GNR para desimpedir a Praça da Portagem. Passados 15 anos, que se completam dentro de dias, onde está Ferreira do Amaral? Presidente da Lusponte , a quem ele deu, DE BORLA, a Ponte 25A paga desde 1986! Quem era o Ministro do Equipamento Social (os falsos socialistas adoram mudar o nomes às coisas e tornar tudo "social") quando caiu a Ponte de Entre-os-Rios e se abriu a enorme cratera no Terreiro do Paço, devido ás obras do Metro? Jorge Coelho! Onde está hoje Jorge Coelho? Mota-Engil ! Quem foi a empresa que injectou toneladas de betão no "buracão" do Terreiro do Paço? Adivinhe.. não precisa, você sabe. Coincidências? Coincidência foi o luso-brasileiro ter o passaporte inválido e não ter embarcado no AF447 ! O Dias Loureiro acumulou fortuna depois de ter saído do Governo de Cavaco, tanta que em 10 anos conseguiu construir uma vivenda no valor de 2.5 milhões de euros. Repare, meu caro Rui Freitas, nós não podemos atirar pedras para o vizinho (PS), nós também temos as nossas fragilidades. As broncas não ficam por aqui: calcule quem foi um dos grupos que em 2005 apoiou a campanha presidencial de Cavaco Silva? Começaram a "escavar" o BPN e o que vai saindo não augura nada de bom para a nossa democracia, pois há muitos atolados na merda...até pessoas que nós julgávamos estarem acima de toda e qualquer suspeita. Aguarde pelos próximos desenvolvimentos, pois ainda que sendo o "polvo" grande e numerosos os tentáculos, haverá sempre uma brecha que chegará á comunicação social, sobretudo á TVI. Esperemos. Quanto ao facto do companheiro ter vindo de outro Partido, congratulo-me pelo facto. Veio quando entendeu vir, fez a "travessia" que entendeu fazer, há que respeitar.


De rui.freitas a 9 de Junho de 2009 às 02:54
Caro (ou Cara) "Open your eyes", eu não sou o PSD, sou do PSD (Militante), e tenho todo o direito de embandeirar em arco. Felizmente, não sigo nem nunca segui a "directiva" do "politicamente correcto"!
Olhe, até vou comparar com o que se passa no futebol (desporto que nem aprecio). Mais uma vez, o Benfica (clube da minha simpatia por razões familiares) perdeu tudo o que tinha a perder: mas acha que não me satisfizeram as suas (poucas) vitórias?
Falando a sério. Não sei se, a si, lhe "cheira a poder"; a mim, soube-me a Vitória!
Não sei se é Militante PSD, mas achei piada à "convergência" de opinião com Francisco Louçã, quanto ao "regresso" dos "barões"...
Que "barões"? Então Luís Marques Guedes não é o Secretário-Geral do Partido? Não podia (ou devia) estar presente numa noite de Vitória? Desde quando? Só porque não lhe agradou a si e a muitos outros?
Luís Arnaut, não foi Secretário-Geral de Durão Barroso? Não é Militante? Não podia estar presente?
Que outros viu? Considerando estes "barões", não vi outros... Vi sim caras novas e, nesse sentido (concordo) achei muito bem, como foi o caso de Sofia Galvão, Militante residente em Paço de Arcos, por exemplo. E muitos jovens entusiasmados.
Serão "barões"? Acho que não!
Por essa ordem de ideias, Paulo Rangel também será um "barão"?
"Insistir numa líder sem carisma, fortemente ligada a um passado recente negativo do partido" ???
Você tem a certeza de que é militante ou simplesmente simpatizante do PSD? É que já ouvi o mesmo "discurso" acerca de Fernando Nogueira, Marcelo Rebelo de Sousa (que tive o prazer de abraçar no encerramento da campanha, no Mercado da Ribeira) ou Luís Marques Mendes! Essa "leitura", ia dando (deu) asneira...
Se não acredita na Vitória do PSD nas Legislativas e nas Autárquicas, então é sinal de que nada fará para que ela aconteça. E é pena. Depois, não se queixe!


De Marquês de Alorna a 9 de Junho de 2009 às 09:55
É sempre o mesmo discurso...

Olhe! Eu cá por mim prefiro pessoas sérias, honestas e concisas como a Dr.ª Manuela Ferreira Leite, que não promete aqueles mundos e fundos que afundam qualquer barco, como o Eng. Sócrates.
Os eleitores têm de mudar a sua mentalidade de uma vez por todas e entender, que não são histerismos nem promessas fantasiosas que vão levar este país a bom porto.
Irrita-me solenemente dizerem que a Dr.ª Manuela Ferreira Leite não tem potencial para "palanco" e para estar na "linha da frente".
Infelizmente e oiço isso diariamente, a única conversa que maior parte dos eleitores sabe ter é: "Este não é nada carismático!" ou "Ai não gosto nada dele, não fica nada bem na Televisão".
E relativamente às eleições de ontem! O PSD ganhou, o PSD voltou a assumir a posição de alternativa a este desgoverno socialista que nos prejudica há tempo suficiente.
E não se esqueça que o PS perdeu 600 mil votos! É muito voto perdido e principalmente muito descontentamento.
A abstenção.... Eu tenho uma leitura muito própria dela, porque considero que o eleitorado (pelo menos maior parte dele) acha que as europeias são um benefício distante para o país e que não intefere directamente nos problemas de Portugal.
Relativamente aos "barões" - como você diz - infelizmente o seu mal, dos jornalistas e de muitos outros é fomentar as intrigas e a discórdia, apontar o dedo a esses "barões" quando o que deviam fazer era calarem-se um pouco e deixarem o partido se UNIR e não falo apenas da Nacional, falo em todas as vertentes.
Portanto a noite do dia 07 de Junho deixou-me com esperança no futuro, quer a nível de legislativas, que a nível autárquico.
A sede estava ao rubro e estávamos UNIDOS!
Critiquem este ou aquele... Eu serei sempre fiel ao meu partido!
Como tal, votarem SEMPRE PSD!!!

PS: Como diriam os da JSD:
"O povo não esquece que a crise é do PS!"


De rui.freitas a 9 de Junho de 2009 às 23:54
Caro Marquês de alorna, os meus parabéns por recordar o apropriado "slogan" da JSD: "O povo não esquece que a crise é do PS!" Espero sinceramente que não, porque de facto a "crise" não foi "importada", já cá "morava" desde 2005!
Perfilho desse mesmo espanto: se um líder fala alto, aparece em tudo quanto é noticiário, esbraceja histericamente, aluga autocarros para os comícios e mente com quantos dentes tem na boca, parece que é um herói para grande parte da população. Se, por outro lado, é sério, comedido nas palavras, justo nas críticas, cuidadoso na abordagem aos temas mais preocupantes e fracturantes, não promete o Sol e a Lua, é porque "não tem carisma", é "um líder a prazo", não tem "categoria" para "vestir Armani", a sua "imagem não passa" nas televisões e não é um dos "mais elegantes da Europa"!
Que me interessa a mim um líder que "veste" nas melhores "boutiques" de Nova Iorque e me deixa de bolsos cada vez mais vazios? Que me interessa a mim, se ele quase se intitula de "Rodin dos Bosques", se afinal me "assalta" a carteira; se defende os fortes em detrimento dos fracos; se "vende" a ideia de acabar com os "off-shores" mas lá coloca o meu dinheiro da Segurança Social; se encerra escolas (apenas algumas com razão), maternidades, centros de saúde, hospitais; se não tem coragem para proteger a autoridade das Autoridades (PSP com vencimentos e horas em atraso, inspectores e directores da PJ "empurrados" para a reforma e julgados em Tribunais por procurarem a Verdade...); se hostiliza constantemente Professoras e Professores, "obrigando-os" a seguir um modelo chileno que já nem no próprio Chile é aplicado; se tem familiares e dezenas de amigos "unidos" e sempre envolvidos em torno de "casos" mal ou nunca explicados; se deixa perderem-se milhões em apoios comunitários às Pescas e Agricultura... e assobia para o lado; se não tem possibilidades para apoiar a sério as micro, pequenas e médias empresas geradoras de muitos milhares de postos de trabalho, mas "inventa" milhões para "ajudar" bancos e banqueiros e "fundações"; se me "persegue" porque devo 125 euros de IVA e perdoa milhões a bancos e seguradoras... Que "líder" é este, afinal?
Há matéria suficiente para estar a escrever toda a noite, mas acaba por cansar tentar "acordar" tantas mentes adormecidas...
Claro que a abstenção era previsível nesta eleição europeia, pelas razões que bem aponta; a "Europa" é algo "distante" que "Não nos interessa". Mas não duvide que há, também, o natural cansaço e descrença dos "seres pensantes" que ainda existem neste País, mas que cada vez menos acreditam nos políticos de "faz de conta".
Apenas dois reparos: não fui eu que apontei quaisquer "barões"; percebeu mal. Apenas me limitei a responder a quem neles falou; a Comunicação Social faz o seu trabalho e, se existe um foco de instabilidade, isso "vende"... jornalisticamente falando. Daí que não atribua culpas a essa classe (à qual pertenço), mas sim a quem lhes dá "matéria" para escrever. O próprio PSD teve alguma culpa, quando Governo, considerando a certa altura os Jornalistas como inimigos e não os sabendo cativar para a causa Social-Democrata!
Como já escrevi em comentário a comentário, não senti nem sinto o "cheiro a poder", antes o gostoso sabor da Vitória; da primeira de três Vitórias em 2009!
Poque, também eu continuo fiel ao meu Partido!


Comentar post

Sempre na hora certa
anti-corrupção
Visitantes desde Maio 06
Acordo Ortográfico
Prémios recebidos
ThinkingBlogger blog com tomates
Visitantes on-line
online
Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Meteorologia
     
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS