Segunda-feira, 29 de Novembro de 2010
"Campilho & Campilho, Ilimitada"

É só amanhã que poderá haver certezas mas, como diz o Povo, "não há fumo sem fogo"! E a verdade é que, desde há largos dias, na caixa de comentários do "Pinhanços dixit..." têm surgido palavras de estupefacção pela anunciada atribuição de uma Medalha de Mérito da Freguesia de Paço de Arcos, nada mais nada menos do que à irmã do actual "presidente" desta Autarquia, Zalinda Campilho. Será Grau Prata ou Grau Ouro, pergunto eu, já agora?

Dizem-me que não foi o próprio "presidente/irmão" a propor o almejado galardão

mas sim alguém muito próximo dele; tão próximo que, a 2 de Dezembro, assumirá funções nos SMAS, a nova "agência de empregos" de Oeiras! Será?

Na qualidade de presidente da Junta de Paço de Arcos, tive o privilégio de conhecer, trabalhar de perto e muitas dores de cabeça ter dado a Zalinda Campilho, tantas foram as vezes que solicitei a sua intervenção em prol da Freguesia, nomeadamente no âmbito dos Espaços Verdes e recolha de Resíduos Sólidos, poda de árvores, colocação de "moloks", ilhas ecológicas, etc., tendo sempre obtido cabal resposta aos interesses dos Fregueses.

Não a tenho, por isso, na conta de pessoa capaz de aceitar falsas honrarias ou prémios bacocos.

Muito menos quando eles possam vir duma entidade liderada - bem ou mal - por um familiar directo; no caso, o seu próprio irmão.

Dele, por ele e por por alguns dos seus "compinchas" próximos, já não poria as "mãos no fogo"...

Faltam pouco mais de 24 horas para que o boato se transforme em realidade e, mesmo assim, ainda não quero acreditar!

Dra. Zalinda (como sempre a tratei), se as pessoas que rodeiam o seu irmão desconhecem a palavra vergonha, recuse-se a pactuar com elas, assuma a postura que sempre me demonstrou e... recuse (nestas condições) ser sequer indigitada para receber esta Medalha que, no caso de aceitar, será de "Demérito" para si e para a Freguesia de Paço de Arcos.

A sua função na CMO é Servir as 10 Freguesias do Concelho por igual, sem privilegiar ou menosprezar qualquer delas. Porquê, então, aceitar uma honraria, quando afinal se trata de bem desempenhar o seu cargo?

Recusar, neste caso, será muitíssimo mais meritório para si do que aceitar a homenagem. Não esqueça!



Publicado por rui.freitas às 01:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

16 comentários:
De Zé Alves a 30 de Novembro de 2010 às 07:26
Dra. Zalinda Campilho, nao aceite, é um presente envenenado.


De José António a 30 de Novembro de 2010 às 22:56
Caro Rui,
Não conheço a senhora mencionada, mas se as coisas são como referes, de facto a única atitude digna a tomar é a recusa.
Abraço


De rui.freitas a 2 de Dezembro de 2010 às 01:43
Respondendo aos amigos Zé Alves e José António, apenas para vos dizer que seria isso que eu faria: não aceitar, recusar mesmo tal "homenagem"...


De Luis a 1 de Dezembro de 2010 às 13:18
Ora por esta ninguem estava à espera. Esta manha cedinho, que só faz bem apanhar o ar do paredão logo pela manhã, encontrei o meu amigo do iomaf e fiquei a par das novidades.
Depois de um impasse nas votações pela medalha da mana do mano, 4-4-4-, alguém lá decidiu desempatar e a dita senhora lá receberá a sua medalha da vergonha para ela e todos os envolvidos.. Sei que na bancada iomaf houve 2 não e dois brancos. depois lá decidiram ajudar o presidente a medalhar a mana e ajudar o movimento a não passar por uma vergonha de votos chumbados.
A que foi definitivamente chumbada foi a proposta do PS de medalhar a D. Antónia André. Uma filha da terra com serviços e militâncias que faziam dela uma excelente candidata. Pelo que sei, havia uma grande assistência PS que pareciam ter vindo para assistir à vergonha do Perfeito Anormal mas faltou-lhes um voto para consegui-lo porque uma das suas deputadas não compareceu. De resto, pagaram na sua proposta o facto de se terem unido para ver a derrota do Perfeito Anormal. Acredito piamente que a proposta PS chumbou só para lhes dar uma lição.
Agora, li esta manhã uma copia que o meu amigo me facilitou, do texto lido em assembleia pela bancada iomaf e só quem não tiver 2 dedos de testa não entende o que estava escrito nas entrelinhas, um recadinho directo ao anormal e sua pandilha. O iomaf não propõe ninguém porque era uma vergonha juntar qualquer nome às nomeações absurdas que o executivo apresenta, o que seria um demérito para qualquer outra pessoa. Desta vez aplaudo de pé a atitude do iomaf , ou mais concretamente do líder de bancada que estava ausente e delegou a leitura no seu lugar tenente. Alguém ainda se lembra das vezes que aqui se falou de um numero quatro que tinha um peso e poder dado por quem pode para desarmar estas bombas? pois, se ficassem duvidas, aqui está mais uma prova. Ele manda recadinhos públicos e de forma muito civilizada ao anormal e pandilha, marca posição mesmo não estando fisicamente e ganha mais uns pontos da confiança dos colegas e de quem o dirige realmente. Temos homem.
Alias, ele sai do pais, pede suspensão por seis meses (depois de consultar com o Sr. Isaltino) e ele mesmo é que nomeia o seu sucessor como líder de bancada. Quem pode, pode.
O meu amigo contou-me já por diversas vezes, que quando este senhor fala nas reuniões, o anormal baixa as orelhas. Pode ser anormal, mas já percebeu que este senhor tem ali um peso especifico e que reúne o consenso dos colegas e que qualquer coisa que diga tem mais valor para eles que as anormalidades do anormal.
Agora é vê-lo a mandar à distancia.


De rui.freitas a 2 de Dezembro de 2010 às 01:50
Amigo Luís, afinal, o PS acabou por dar dois tiros no mesmo pé, não foi? Um, porque "pecou" por falta de comparência sem substituição (preparada?) e outra, porque essa falta permitiu "deixar passar" o nome de Zalinda "à segunda volta". Coisas...
Já agora, por aqui ou para o meu endereço, será que pode enviar-me os nomes indigitados? Cá por coisas!


De Anónimo a 2 de Dezembro de 2010 às 03:10
PS, Antónia Andr+e - chumbada
IOMAF- ninguém
CDU- ninguém
PSD- DR: João (médico) aprovado
Executivo- Zalinda e chefe da policia - aprovados


De rui.freitas a 7 de Dezembro de 2010 às 01:38
Obrigado pela informação, Caro Anónimo (2 de Dezembro de 2010 - 03:10), fiquei assim a perceber a rebaldaria que deve ter sido essa Assembleia.
Apesar de tudo, a Bancada IOMAF esteve bem, desta vez, e mostrou que nem tudo corre sobre rodas pelas hostes verde-alface. Haja alguém...!
Nada me move contra D. Antónia André, mas dou igualmente os parabéns à Bancada "PSD" pela indigitação do Dr. João. Uma escolha acertada!


De Anónimo a 3 de Dezembro de 2010 às 13:35
Mais uma vez o PS fez "papel de embrulho" porque quis, ao não ter cuidado na preparação da respectiva Assembleia.
Era sabido, à priori, que as proposta à votação não eram consensuais.
Foi ridiculo o que se passou na Assembleia...


De rui.freitas a 7 de Dezembro de 2010 às 01:41
Caro Anónimo (3 de Dezembro de 2010 - 13:35), como já disse, deve ter sido uma grande rebaldaria, mas enfim...
De facto, se o PS quisesse mesmo "fazer estragos" (será que queria?), tinha preparado a substituição da deputada faltosa... e tudo teeria sido diferente, com o Executivo a "engolir em seco".
Perdem as oportunidades e, depois, queixam-se!


De Anónimo a 7 de Dezembro de 2010 às 19:30
De facto, esta caso é o comprovativo da falta de "profissionalismo", dedicação à causa publica, e cuidado na preparação do acto tão solene como é uma Assembleia.
Não queria, mas sou obrigado a concordar consigo: provavelmente não se pretendia "fazer estragos"...
Enfim...


De Anónimo a 8 de Dezembro de 2010 às 15:38
Meu caro, não sei se assistiu ontem a sessão solene de aniversário da nossa freguesia, mas eu vim de lá de boca aberta. Primeiro, a mestre de cerimónias a meter os pés pelas mãos. Não há memória de figura tão triste num acto destes e eu já deve ter assistido pelo menos a uns 10 ou 12.
a mulher não se manca mesmo de que é uma analfabeta politica, um ser ignóbil, uma palhaça disponível Os discursos do piorio, então o do PS dava vontade de gritar. A menina do PSD a tentar ser eloquente só disse parvoíces , o Capão, igual a ele próprio e o senhor do iomaf a fazer um brilharete que até a mim me deixou pasmado. De resto o Vice Presidente a falar de crise, de orçamento e de obras e o presidente de junta a mandar recadinhos ao Paulo Vistas e acabou com um poema da sua autoria, valha-nos Deus. O homem não tem mesmo noção do ridículo
Mas do meu lugar de penúltima fila deu para ver algumas coisas interessantes, como a cara de seca do Vice presidente durante o discurso de presidente de junta e cara de gozo quando o senhor leu o poema. Ficou-me também a impressão que ele não sabia que iam dar medalhar à irmã do presidente e que não achou piada à comunicação que ela enviou a dizer que os meninos maus e maldosos estavam a aproveitar-se da sua medalha para atacar o maninho. A cara do Vice Presidente era qualquer coisa entre espanto e incrédulo com o disparate. Mais um feliz dia na nossa terra.


De Picanço, Sebastião a 8 de Dezembro de 2010 às 23:16
Boa Interpretação / relato da Fantochada em que se Comemoraram 84 anos de CHARME!!!???
A "oposição(??)" não diria do Toucinho, o que fica escrito sobre o ... Maomé Campilho!
Já agora, será verdade que a Medalha de Mérito atribuída à Mana tem a ver com ... uma forma de pressão sobre o Presidente da CMO Isaltino Morais?
A Senhora está de saída da CMO? Para os SMAS? ou para o Desemprego???


De rui.freitas a 10 de Dezembro de 2010 às 23:45
Caro Pinhanço, Sebastião, que outra razão haveria para indigitar a mana senão essa? E, pelo que li, a senhora ainda se acha a "coitadinha" no meio disso tudo, não?
Não esqueça que o "caso" em que envolveram o Paulo Riscado ainda fará correr muita tinta... Vai daí!
Nunca se sabe se ela irá para os SMAS, mas é pouco provável, tanto como sair da CMO, onde deverá manter algum "low profile" durante uns tempos, até a "poeira assentar". Desemprego? Nããããããã!
A falta de vergonha e de brio pessoal "elevou-a" à categoria de "indispensável".


De Anónimo a 9 de Dezembro de 2010 às 18:57
Meu Caro,
Não tive oportunidade de estar presente.
Pelo que relata, tenho pena não ter podido assistir tal "espetaculo".
Gostaria ter acesso a um relato circunstanciado de tão solene sessão da Assembleia.


De rui.freitas a 10 de Dezembro de 2010 às 23:47
Também eu, Caro Anónimo (9 de Dezembro de 2010 - 18:57), também eu. Deve haver pano para mangas e rir nunca fez mal a ninguém!


De rui.freitas a 10 de Dezembro de 2010 às 23:41
Caro Anónimo (8 de Dezembro de 2010 - 15:38), cada vez mais me convenço que já nada me espanta e, pelo que relata, essa sessão da Assembleia deve ter sido um fartote. Salvou-se, ao que parece, a bancada IOMAF, pela posição anteriormente referida de não indigitar ninguém e pela intervenção na sessão.
O "caminho" que vem a trilhar o "presidente", leva-me a concluir uma de duas coisas: ou não está no seu perfeito juízo (o "stress" provocado pela negação dos "amigos"?) ou perdeu mesmo a tramontana. Só lhe faltava mesmo dizer poesia (espero que tenha sido de sua autoria :) ) no decorrer dum acto (supostamente) solene!
Com recadinhos, ele não vai a lado nenhum, mas espanta-me muito que o vice desconhecesse que a mana havia sido proposta; alguma bancada chegou a ter acesso ao documento do Executivo? É que a votação tem de estar documentada, ainda que não citando nomes, mas pelo menos indicando se foi por unanimidade ou maioria... Qual terá sido?
Só me ocorre dizer: que palhaçada!


Comentar post

Sempre na hora certa
anti-corrupção
Visitantes desde Maio 06
Acordo Ortográfico
Prémios recebidos
ThinkingBlogger blog com tomates
Visitantes on-line
online
Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Meteorologia
     
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS