Terça-feira, 22 de Novembro de 2011
Há quem não queira "Rasgar a Indiferença"

Uns (cerca de 16.000), porque não se dignaram sair de casa para exercerem o direito e o dever de voto, na recente eleição para os novos dirigentes da Distrital de Lisboa do Partido Social Democrata; outros, porque os "meios" que lhes são colocados à disposição, permitem-lhes manipularem, perpetuarem-se e multiplicarem-se, sempre bem perto de quem tem o poder que ambicionam um dia também virem a deter.

Vem iso a propósito de três razões pertinentes e que tentarei explicar:

1.º - Porque já dei uma vista de olhos em certos comentários colocados no meu post de 19 de Novembro e há quem "estranhe" o meu "silêncio";

2.º - Porque nesse mesmo post, alertava já para possibilidade (e as razões) da elevada abstenção que se veio a verificar;

3.º - Porque vos quero dar conta do que escreveu outro amigo e Companheiro, Rui Ribeiro, sobre a eleição em Cascais.

Vamos, então, por partes:

Como é meu dever e direito, fui votar no passado sábado e, como aqui afirmei desde a primeira hora, Votei Lista B, encabeçada pelo bom Amigo e Companheiro Jorge Paulo Roque da Cunha, o que não foi nem é surpresa para ninguém!

Aquilo que foi "entendido" como "silêncio", deveu-se, única e simplesmente, ao facto de não querer repisar um tema, uma "novela", da qual já antecipara o resultado final. Mas, afinal, foram esses mesmos resultados que me levaram a decidir-me por escrever.

A prová-lo, relembro a "escandalosa" percentagem de abstenções: 64% no conjunto do Distrito e 75% no Concelho de Oeiras!

Depois, porque até consigo perceber as razões do afastamento de muitos dos 16.000 "não votantes": cansaço de remarem contra a maré, cansaço de assistirem ao continuado assalto ao poder que dá tacho, cansaço de sentirem que, "de cima", vem apenas a apatia e o deixa andar.

Como já escreveu outro Amigo e Companheiro - José Luís Tavares: "Alguém deveria reflectir sobre isto !!!"

Finalmente, porque também não resisto a remeter-vos para o já referido post de Rui Ribeiro, intitulado "Já experimentaram remar contra a maré?" e publicado no seu blog "Pensar Mais Cascais", Concelho onde a disparidade de votos para delegados à AML do PSD, foi a seguinte: Lista B = 105 votos; Lista A = 269 votos. Em Oeiras, para os órgãos da Distrital, o resultado foi: Lista B = 184 votos; Lista A = 300 votos.


Para que conste, fui convidado a integrar a "lista única" de Oeiras à AML, "honraria" que recusei sem qualquer dúvida, por razões de Verticalidade. Sabem o que isso é?


Publicado por rui.freitas às 02:16
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

10 comentários:
De Os 3 Mosqueteiros de Oeiras a 22 de Novembro de 2011 às 11:43
Mas que mau perder, ó Rui ! E nós que o julgavamos um democrata de sete costados!
Mas o pior é que está a fazer batota: o resultado já vai em 2-0 a nosso favor! Sabe bem ao que nos referimos.
Essa de você prever isto é um barrete dos grandes e uma lata descomunal.Você devia ter aceite o tal lugarzinho. Estaria entre os seus, bem acompanhado e direitinho! Então sim, se rasgaria a indiferença.
Também achamos curioso que aquele seu amigo e companheiro, o Tavares, queira por alguém a pensar sobre isto. Ele não é capaz? Porquê? A indiferença também o atacou? Ou porque Porto Salvo é porto seguro e já "atracou"?


De Zé do Telhado a 22 de Novembro de 2011 às 14:50
Meu Caro Rui
Esta gente é catedrática na batota. Basta lermos os jornais e verificarmos que uns já foram condenados e outros estão prestes a serem julgados. Tiveram óptimos professores. Isto só termina quando bater no fundo.
Basta ter ouvido ontem o programa com o Dr. Medina Carreira que chamava a esta gente Os Malas de Cartão .


De rui.freitas a 23 de Novembro de 2011 às 00:36
Meu Caro Zé do Telhado (22 de Novembro de 2011 - 14:50), a minha dúvida é se o "curso" não terá sido "tirado" na UATLA? Tenho para mim, que é o mais certo... Ultimamente, têm saído de lá uns certos "doutores" que nem na Independente seriam admitidos!
Tomo a liberdade de fazer eco ao que escreveu o José Luís Tavares e que eu ando a alertar também há largo tempo: "Alguém deveria reflectir sobre isto!!!". Pena é que quem o devia fazer, não o faz...


De rui.freitas a 23 de Novembro de 2011 às 00:31
Caros Os 3 Mosqueteiros (22 de Novembro de 2011 - 11:43), não, não tenho mau perder e sim, sou democrata. Só reajo, porque sei bem como os "democratas" que vocês apoiam "trabalham" os actos eleitorais. Aliás, como neste "post" e noutros já provei, não sou apenas eu a pensar assim.
Recuso-me a acreditar que "V. Exas." não saibam ler ou interpretar, pois - repito - no "post" do dia 19 já previa que este poderia ser o resultado. Quem não os conhece que os compre...
Assoma-me a mesma dúvida, quando não perceberam a citação das palavras do José Luís Tavares. Eu sei que vos custa engoli-lo, pois tal como eu, não está à venda, mas isso é problema vosso!
Quanto ao resultado, voltaram a errar... já são mais do que 2 a 0. Já dizia "o outro": "é só fazeer contas". E daí? Nunca me bati por vitórias "viciadas", o que não quer dizer que goste de perder de forma desleal.
A terminar, dizer-vos apenas que pensei que me conheciam melhor. Acaso alguma vez eu aceitaria integrar ums "lista-única" (laranja/verde-alface) fosse para o que fosse. Nem para o "baile da paróquia"...
Sobretudo porque já prevejo (lá estou eu de novo) a que é que isso irá levar; são todos "bons rapazes" e, por isso, "voltem, que estão perdoados".
Comigo, NÃO!


De Diogo a 22 de Novembro de 2011 às 19:15
De rui.freitas a 21 de Novembro de 2011 às 02:08
«Caro Zé do Telhado, há que "respeitar" estes "imigrantes" e "inseri-los" na sociedade portuguesa. Temos de ter paciência! Coisa que, nestes casos de flagrante estupidez, confesso que me vai faltando.
Disse e repeti aquilo que, para todos, é óbvio: os banqueiros e especuladores não dão nada a ninguém; não há almoços grátis. Mas o "imigrante" Diogo não consegue desfazer-se das "palas" e só distingue um "culpado"; precisamente aquele(s) que só lá estão há cinco meses a esforçar-se por "tapar o buraco" deixado por Sócrates e "camarilha".
Desisto...»



Não, caro Rui Freitas. O “imigrante” Diogo sabe distinguir entre os culpados primários e secundários.

Os Bancos, devido ao seu poder de criar dinheiro (talvez isto seja uma novidade para si – mesmo sendo uma pessoa tão inteligente e com tanto conhecimento de finança…), dominam naturalmente os partidos políticos, os meios de comunicação.

Acontece que, a Banca gosta de transformar esse dinheiro virtual em bens tangíveis. Para tal, utiliza os seus políticos (PS-PSD-CDS) e os seus jornalistas a soldo para endividar um país a juros usurários – o tal buraco deixado por Sócrates e "camarilha" - e, depois, obrigar o país a pagar a «dívida» - a “tapar o buraco” - com juros agiotas por Coelho e "camarilha".

Não acredito que um homem sem palas, como o meu amigo, ainda não se tenha apercebido de tal coisa…

Um abraço


De rui.freitas a 23 de Novembro de 2011 às 00:21
Caro Diogo (22 de Novembro de 2011 - 19:15), agradeço-lhe o benefício da dúvida mas, como já reafirmei, economia e fincnças não são, de todo, o meu forte. Só que isso não me impede de ter uma cultura geral minimamente capaz de perceber tudo o que aqui tem escrito.
A minha dificuldade - repito -, é fazer-me entender por si, já que, apesar de, não ter "palas" (agradeço também que o tenha reconhecido), não posso, em bom rigor, assacar culpas a um governo que está em funções há cinco meses.
Ó Diogo, faça-me um favor: não repise mais a teoria da Banca e dos banqueiros, pois você sabe (porque acredito que tampouco use "palas") que esse "mal" não é de hoje nem de ontem e muito menos exclusivo de Portugal; pelo que vimos sabendo, nem mesmo da Grécia, da Isalândia, da Irlanda e até já ameaça alastrar a Espanha, Itália e Áustria. Parará, quando chegar "às barbas" da França e Alemanha? Se calhar, nem aí...
Agora, porque sou português e é o futuro do meus País que me interessa, alguém gastou, surripiou, desbaratou, distribuiu, doou, deu... isso é inegável. Quem paga? Os mesmos de sempre!


De Diogo a 23 de Novembro de 2011 às 16:45
Caro Rui Freitas,

Nunca pus em causa a sua sólida cultura geral, mas, como você próprio reconhece, a economia e as finanças não são, de todo, o seu forte. Facto que, com pena minha, o tem impedido de apreender por completo tudo o que tenho aqui escrito. Peço-lhe que não fique melindrado por isso.

O facto de saber que o efeito pernicioso da Banca e dos banqueiros não é de hoje, nem de ontem, e acontece em Portugal, na Europa e no Mundo, não lhe retira a carga nefasta.

No fundo, e no caso português, a questão é basilar: os Bancos colocaram ao leme do nosso país um leque de governantes que o endividou totalmente em obras inúteis a juros agiotas, e agora, os mesmos Bancos, colocaram ao leme do nosso país um outro leque de governantes que tudo fará para obrigar os portugueses a pagar a agiotagem desses Bancos, roubando ao país (privatizando ao preço da uva mijona) as suas jóias da coroa e empobrecendo a população.

O seu problema, caro Freitas, é imaginar que uns governantes são “maus” e outros são “bons”, quando, afinal, não passam de dois braços de um mesmo polvo.

Abraço


De rui.freitas a 23 de Novembro de 2011 às 20:16
Caro Diogo (23 de Novembro de 2011 - 16:45), "naif", sim, mas não tanto.
De uma coisa pode estar certo e dessa opinião não abdico; se há governantes menos maus, os actuais estão nesse lote. No mais, quando "pegar em armas"... não me chame. Pode ser?
É que eu sou dos que acreditam que todos os dias e com toda a gente aprendemos alguma coisa, mas repor o mal feito durante anos e anos em cinco meses (quase sei), só com uma "varinha mágica"!


De Diogo a 23 de Novembro de 2011 às 21:12
Rui Freitas: «mas repor o mal feito durante anos e anos em cinco meses (quase sei), só com uma "varinha mágica"!»

Você queria provavelmente dizer: «mas anular o mal feito durante anos e anos em cinco meses (quase sei), só com uma "varinha mágica"!»

Mas voltando à vaca fria: os «governantes maus» (os do PS) e os governantes «menos maus» (os do PSD, que você tanto admira), jogam todos na mesma equipa e obedecem às mesmas ordens – cujo objectivo é saquear o país.


Rui Freitas: «No mais, quando "pegar em armas"... não me chame. Pode ser?»

Nem que seja para um tirinho nos «governantes maus» (os do PS)?


De rui.freitas a 24 de Novembro de 2011 às 01:55
Caro Diogo (23 de Novembro de 2011 - 21:12), nem a esses. Sou da geração anterior à da "Paz e Amor", "Power Flower", que o FBI, a CIA, a Mossad e outras "agências" destruiram. Lá me conseguiu levar para a teoria da conspiração... Está a ver?
Falando sério: adoro armas, admiro e milito no PSD ("vivi" ano e meio no PCP e sei o que valem...), sei que não há governantes "bons" ou "maus" (há quem governe bem e quem desgoverne bem também), mas há muito que "não vou em cantigas" nem em "cantos de sereias". A vida é dura, para alguns, os que SERVEM, e fácil para os que SE SERVEM.
Eu pertenço aos primeiros, graças a Deus!


Comentar post

Sempre na hora certa
anti-corrupção
Visitantes desde Maio 06
Acordo Ortográfico
Prémios recebidos
ThinkingBlogger blog com tomates
Visitantes on-line
online
Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Meteorologia
     
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS