Terça-feira, 20 de Novembro de 2007
"Da Vida Real - O pacto dos patos"

Hoje, por ser "dia de festa", não pensava publicar rigorosamente nada.

Li o artigo abaixo há quatro dias e admito que já o deveria ter trazido ao "Pinhanços".

É com todo o gosto que o faço hoje, até porque a autora sabe bem porquê!

 

 

(Artigo de Opinião, publicado no "Correio da Manhã" de 15 do corrente, com a devida vénia)

 

"Mas bons, bons, importantes mesmo, não são pactos sobre a Justiça ou a Segurança Social, bons são os pactos do cimento (...)
Para nosso mal, existe no País uma cultura parasitária do Sistema, que consiste em saber o que pode ele dar a cada um, nas muitas actividades que existem nas sociedades actuais.

Ela há ‘gente gira’ em Portugal, tão gira que tem tendência para exigir almoçar à nossa conta (dos nossos impostos), como se fora a coisa mais natural do Mundo, como se tal lhe fora devido pelo simples facto de podermos usufruir da sua tão maravilhosa quanto inútil existência.

Sem interrogação sobre o propósito da existência ou das exigências desta ‘gente gira’, não há como não evocar (e invocar) o retrato de Dorian Gray (numa síntese simplista, a podridão escondida sob a mais produzida forma).

É evidente que combater esta cultura instalada é um inferno e, não raro, assassina os temerários combatentes.

Sobre a Ota – essa montanha de desperdício – o Governo já está enredado numa série de suspeições, num contexto em que inegavelmente a CIP prestou e presta um serviço ao País.

Foi Luís Marques Mendes quem primeiro ergueu a bandeira política anti-Ota, sublinhando a desproporção da ‘coisa’, pelo que o actual líder do PSD – oposição ao anterior Líder do PSD – clamou pela Ota e desejou longa vida à Ota (tinha sempre de dizer o contrário do anterior Líder, alguém lho garantira).

Agora ouvimos ao actual Líder do PSD: “Se já está decidido que é a Ota, não vale a pena fazer as pessoas perder tempo e gastar dinheiro”. O actual Líder do PSD quer fazer da OTA um facto consumado?

Afinal e por uma vez, constata-se agora, dizer o contrário do anterior Líder até era o que lhe ia na alma. Porquê esta constatação? Ao afirmar recentemente, como se novidade fosse, que o Governo é que quer a Ota, que já decidiu a Ota (claro que o Governo já tinha decidido a Ota, mas teve de recuar, não é assim?), o Líder do PSD imputa a outros o que afinal quer (ou faz). É uma actuação que transformou em estratégia sua e que utilizou a outros propósitos.

Foi noticiado que o Senhor Presidente da República veio afirmar não acreditar no que dissera o Líder do PSD, que veio, por seu turno, dizer acreditar no Senhor Presidente da República, ou seja, não acreditar no que dissera horas antes e, finalmente, “esclarecer” que o Senhor Presidente da República... “tem” de acreditar no Governo!

Isto da Ota surge assim muito a propósito do proposto pacto do cimento (mais Ota = a mais cimento). O actual Líder do PSD manifestou-se contra os pactos (lembram-se?). Mesmo os necessários para a estruturação do regime ou para impedir a funcionalização da Justiça. Mas bons, bons, importantes mesmo, não são pactos sobre a Justiça ou a Segurança Social, bons são os pactos do cimento, rebaptizados pelo Líder do PSD de acordos parlamentares.

O pacto dos patos lançaria sobre todos os empresários sérios e qualificados a dúvida injusta e descansaria os que não devem ser descansados. E aí nós, feitos patos outros, pagaríamos a conta. Gente gira.
"

 

Paula Teixeira da Cruz, Advogada

Convém SEMPRE "refrescar a memória" aos "esquecidos"!

 



Publicado por rui.freitas às 01:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

4 comentários:
De Pastelento a 20 de Novembro de 2007 às 10:50
((Hoje, por ser "dia de festa"))

QUE SEJA UM EXCELENTE DIA E QUE O MESMO SE REPITA POR MUITOS E BONS ANOS

PARABÉNS POR ESTE DIA MEU IRMÃO

UM ABRAÇO


De rui.freitas a 20 de Novembro de 2007 às 16:26
Meu Irmão e meu Amigo,
Obrigado pelos votos... e que os vejamos cumprirem-se!
Abração forte e... até logo!


De Isabel Magalhães a 21 de Novembro de 2007 às 22:07
Amigo e Companheiro Rui;

Alertada pela palavra ' festa' e porque o pensamento voa rápido, festa, novembro, escorpião... e ai! aii! que me esqueci do seu dia! :) aqui estou eu a felicitá-lo e a desejar-lhe muita saude e a fazer votos de que os seus desejos se realizem. Muitos PARABÉNS!
Aproveito para lhe dizer que é uma enorme alegria poder contar consigo no meu grupo de amigos.

Sobre o post em causa, um grande grande APLAUSO!.

bj
I.


De rui.freitas a 22 de Novembro de 2007 às 00:49
Amiga Isabel,
Este Amiga (com maiúscula) representa o apreço que tenho por si e, por isso, os votos de parabéns valem pela intenção, não pela "oportunidade".
Agradeço-os, porque sei que são sinceros e também porque, felizmente, a incluo entre o meu grupo (cada vez mais restrito, infelizmente) de Amigos!


Comentar post

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS