Sexta-feira, 22 de Setembro de 2006
Preguei-vos a partida...

0004t2z4   e saí de férias sem avisar!

Assim foi, caros leitores. Saí dia 15 pela "fresquinha" e só hoje vos dou conta desse facto, esperando que tenham sentido, se nao saudades, pelo menos estranheza pela "falta da comparência quase diária.
Pois é, estou a mais de 900Km de Paço de Arcos (longe da vista e do coraçao...), na Província de Almeria, "município" de Roquetas de Mar, onde, felizmente, o "Gordon" nao causou qualquer estrago ou preocupaçao... Apenas um "ventinho" mais agreste que ocorreu à noite e nem sequer estragou a ida à praia.
Mas sempre vos digo que, afinal, o "post" publicado a 13 de Setembro nao correspondia à verdade, já que ao final da tarde do dia seguinte, quando passei pelo nosso Jardim, verifiquei que, apenas os "Menús" do "Bar Manhoso" haviam sido retirados... o lixo continuava lá!
Mais uma oportunidade perdida de "alguém" ter podido "brilhar"...
Já agora, espero que nao faltem à Assembleia de Freguesia do dia 28, onde primarei por "justificada" ausência... para alegria de alguns membros da Junta e Assembleia.
Fiquem bem e até ao meu regresso... se nao for antes! Eh! Eh! Eh!



Publicado por rui.freitas às 19:41
Link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 15 de Setembro de 2006
Duas rectificações...

Quando "acerto", acho que cumpri o meu princípio essencial de divulgar a Verdade.
Quando "falho", dou "a mão à palmatória" e tento rectificar o erro...
Vem isto a propósito de duas situações distintas e relativas às Festas de Paço de Arcos e de Caxias.
Quanto às primeiras, tínha-vos dito (http://pacodearcos.blogs.sapo.pt/35441.html) que a "lixeira" aqui denunciada já tinha desaparecido. E é mentira... o que "desapareceu" foi o palco e os papéis que se encontravam afixados na rede de protecção do rinque.
A "lixeira" (hoje à tarde), composta por garrafas de água vazias, sacos de plástico, papelada, etc... CONTINUA LÁ!

A rectificação - que faço com todo o gosto - tem a ver com a constatação pessoal de que, este ano, as Festas em honra de Nossa Senhora das Dores não só "cresceram" em espaço como também "ganharam" novo espaço e estão francamente melhoradas.
Os meus parabéns ao amigo Miranda e ao Trindade!

"Errar é humano"... Persistir no erro, é burrice! Fica a "nota positiva"!



Publicado por rui.freitas às 01:37
Link do post | Comentar | Ver comentários (6) | Adicionar aos favoritos

Resposta ao Amigo "JS"

Caro Amigo "JS" (http://politicatsf.blogs.sapo.pt),
Agradeço, sinceramente, a sua visita e comentário... É para isso e disso que "vivem" os "blogs"!
Mas, como não consegue ler o conteúdo das imagens colocadas, lembro-lhe que, se "clicar" sobre as mesmas, abre uma nova "janela" na qual, colocando o ponteiro do rato sobre ela, poderá ampliá-la e lê-la perfeitamente.
Uma vez mais, o meu obrigado e o habitual... "volte sempre"!



Publicado por rui.freitas às 01:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 14 de Setembro de 2006
Começam hoje...

0008311s   e prolongam-se até dia 17 de Setembro

Para conhecimento dos interessados, divulgo aqui (estão a ver como sou "bonzinho"?) o programa das Festas em honra de Nossa Senhora das Dores, popularmente conhecidas como as Festas de Caxias-Laveiras!

00081daz   ("Totogarrafas"? "bota abaixo", claro...)

Para quem esteja interessado, fica também a composição das Comissões de Honra e de Festas...

00080699

... e a "brilhante" Mensagem do Sr. Presidente da Junta de Freguesia, se alguém entender o que ele quis dizer, ou porque colocou em rodapé iniciativas que "já passaram"?

00082c0s



Publicado por rui.freitas às 02:55
Link do post | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos

Os bons exemplos vêm "de cima"...

Parece que o Sr. Presidente da Junta de Freguesia de Paço de Arcos - seguindo o exemplo do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Oeiras - decidiu redistribuir "pelouros" pelos restantes quatro membros do seu Executivo, talvez porque a "sobrecarga" da presidência do CDPA não lhe deixa assim tanto tempo livre!?
Terá a Assembleia de Freguesia (que se reúne obrigatoriamente este mês) direito a conhecimento deste "remodelação"?
Aceitam-se apostas...



Publicado por rui.freitas às 01:31
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Delegação de Competências é "letra morta"?

0004k9ef   “Oeiras Municipal” n.º 163, de Abril de 2006

Diz Art.º 17.º, n.º 2, alínea l), da Lei 5-A/2002, que "compete à Assembleia de Freguesia, sob proposta da Junta", "Ratificar a aceitação da prática de actos da competência da Câmara Municipal, delegados na Junta" e diz também, no Art.º 34.º, n.º 5, alínea c), que "compete à Junta de Freguesia, no âmbito das suas relações com outros órgãos autárquicos", "Deliberar e propor à ratificação do órgão deliberativo a aceitação da prática de actos inseridos na competência de órgãos do Município, que estes nela pretendam delegar".

Isto para vos recordar que a Bancada do Partido Social Democrata continua à espera (desde o início de Abril) que o Protocolo de Delegação de Competências, subscrito pelos Srs. Presidentes da Câmara Municipal de Oeiras e da Junta de Freguesia de Paço de Arcos, seja presente à Assembleia de Freguesia, para ratificação. E que, assim sendo, todo e qualquer acto praticado até agora neste particular, pode e deve ser considerado ILEGAL e SEM VALIDADE!

Mas, como se constata, não é só o Sr. Presidente da Junta que anda "distraído". O Sr. Presidente da Assembleia, também! A ele que competia (e não apenas a qualquer Bancada) chamar a atenção do Executivo para esta FALTA GRAVE.
Todavia, ao que parece, nem sequer o órgão executivo teve conhecimento (pelo menos em tempo) da aceitação dessa Delegação de Competências...
Acredito que nenhum representante - fosse de que força política fosse - se opusesse à necessária ratificação, mas a verdade é que - mais uma vez - a Lei não foi nem está a ser cumprida na Junta e Assembleia de Freguesia de Paço de Arcos.

E mais:
As "informações escritas do Sr. Presidente da Junta" (que eu e o representante da CDU chamámos atempadamente à atenção serem uma mescla indecifrável entre "competências próprias" e "competências delegadas"), acabaram por provar-se serem puro "bluff", já que muitas das realizações nelas contidas (leia-se: obras), foram realizadas pela CMO e não pela JFPA, conforme pude confirmar nos Relatórios referentes ao 4.º trimestre de 2005 e 1.º trimestre de 2006 que me foram enviados... tardiamente, em relação ao pedido feito pela Bancada PSD!
Aliás, no que concerne ao 4.º trimestre de 2005, há que ter em conta que as obras levadas a cabo no mês de Outubro, ainda foram da responsabilidade do Executivo cessante.
As contas... Apresentá-las-ei mais tarde!

Por agora, é só... para recordar!



Publicado por rui.freitas às 00:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quem pagará o "jantar de encerramento"?

00003kq2   ... o "tal" do frango com "arroz árabe"...

... e que (consta) terá custado cerca de 2.700 euros. Exactamente: 2.700 "aérios", mais ou menos 22 "aérios" por convidado...!
Lembram-se que eu disse que o Sr. Presidente da Junta é que "oferecia" o banquete (e que seria "o mesmo" a pagar)?
Pois é... Mas, como foi a "doer", "D. João Serrano" foi "bater à porta" de sempre. Que se "fechou" e só "abrirá" se houver um "pedido formal" da Junta para tal despesa (ILEGALMENTE assumida, conforme alíneas i) e j), n.º 1, Art.º 38, da Lei n.º 5-A/2002, de 11 de Janeiro).
A Junta de Freguesia (órgão colegial) estipulou e delegou algum limite para as despesas feitas pelo Sr. Presidente? Essa despesa estava orçamentada?
Resposta: Não e não...
E agora, como é que "gastador" e "pagador" irão sair deste "buraco"?
Eu ajudo: a Comissão de Festas que assuma o pagamento!
Nas GOP's e Orçamento para 2006, já existe e foi aprovada pela AF uma verba para as Festas...
Ooooopppppsssssss!
Barraca!
Mais um "caso" para a IGAT? Logo veremos!



Publicado por rui.freitas às 00:25
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 13 de Setembro de 2006
Valeu a pena!

Ter chamado a atenção para a "lixeira" acumulada no interior do "Rinque Leocádio Pórcio e para as "ementas" do "misterioso" bar/restaurante localizado no seu interior, que ninguém se tinha dado sequer ao trabalho de retirar.
Hoje... Já tudo tinha "desaparecido".
Viva a "blogosfera"...



Publicado por rui.freitas às 23:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Festas de Paço de Arcos encerraram a 3 de Setembro...

... Mas toda a "lixeira" continua lá!
Será que o "Conde de Costa Pinto", "D. Amarelo de Figueirão" (e outros "refinados" críticos que, no anterior "Reinado", faziam ouvir as suas reclamações porque o Jardim não estava limpo e desocupado passados três ou quatro dias) andam distraídos ou assim tão "ocupados"?
Porque não pedem uma ajudinha a "D. João Serrano" ou, especialmente, ao "Marquês de Bivalves"?
Que o palco e o arco ainda lá estejam, percebo perfeitamente. Agora, que a "lixeira" não tenha sido ainda removida...
Como já disse há dias: "quando se cospe para o ar..."!

0007wa60     0007tgqg
(Fotos obtidas ao final da tarde de 12 de Setembro. Clicar para ampliar)



Publicado por rui.freitas às 02:06
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 11 de Setembro de 2006
Nova "igreja Maná"?

00073h7a   ou a arte do dinheiro fácil...

Quem esteve nas Festas em honra do Senhor Jesus dos Navegantes, recorda-se certamente deste "bar/esplanada" montado dentro do Rinque Leocádio Pórcio, bem "dentro" do palco principal onde actuaram os artistas.
Grande "Maná", este, que irá "rodar" por todas as Festas das 10 Freguesias do Município de Oeiras... Segue-se Caxias!
Ou será que um "negócio" em que os "beneficiários" não arriscam um cêntimo (só os "promotores"), garantem "algum" para as "despesas" e... acabam "falidos", não é um "Maná"?


tags:

Publicado por rui.freitas às 23:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 10 de Setembro de 2006
Festas 2006, "o polo Negativo -" (Parte III de III)

0006r51q    o meu Voto Não vai para...

a péssima consideração que um ou dois elementos da Comissão de Festas tiveram para com certos Feirantes, alguns dos quais marcam assídua presença há quase três décadas.
Seria de propósito?
A verdade, é que a muitos ouvi a mesma "queixa":
"mudávam-nos do nosso lugar habitual... depois, voltavam a mudar e, se nos queixávamos, a resposta era: se não quer, há mais quem queira"
Assim foi - como já referi - com os Escuteiros e com outros mais!
Pelos vistos, aumentar em 20% o preço dos "terrados", dava-lhes esse "direito"...
Não havia "nexexidade"!

0007fqp9   Banda de Talaíde "ganhou" + 1 "músico"?

E, sinceramente, penso que também não havia "nexexidade" de que o Sr. Presidente da Junta se expusesse desta forma... sentando-se ao lado do "Grupo Solidariedade Musical de Talaíde", "fazendo tempo" para lhes entregar a habitual e merecida medalha (Brasão metálico que marcou o 75.º aniversário da Vila, em 2001).
Expôs-se... e foi criticado, como se pode ler num comentário colocado neste "blog" e eu próprio ouvi no local, razão pela qual o fotografei... "para memória futura".
O meu "Voto Não...", vai ainda para o "erro" protocolar cometido pelo Sr. Presidente da Junta no jantar que marcou o encerramento das Festas 2006.
Não estando presente (mas com a Bancada do PSD ali representada), vim a saber mais tarde que o Sr. Presidente apenas se preocupou em sentar a seu lado os elementos do seu Executivo - Honra lhe seja feita e eu, honestamente, aplaudo.
Mas fê-lo à boa maneira de "sargento e alentejano", só que se "esqueceu" que as regras do Protocolo "exigem" que a primazia seja dada, por esta ordem, ao Sr. Presidente da Câmara Municipal de Oeiras (que lá esteve com sua esposa), às Sras. e Srs. Vereadores, Comandante da EMEL, entidades Institucionais da Freguesia, etc.
Valeu, felizmente, a presença serena mas eficaz de Arnaldo do Carmo...
E, como eu já havia antecipado... o jantar foi mesmo frango com arroz árabe (com passas), antecedido das "sacramentais entradas"!
Guardo para melhor oportunidade a descrição de situações mais graves e preocupantes, que também já esperava ou antevi.
Mas, como parece que a apreciação "negativa" e/ou "positiva" das Festas não vos mereceu qualquer comentário, logo se verá quando as divulgarei !



Publicado por rui.freitas às 02:50
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

Sábado, 9 de Setembro de 2006
Mais dois "Blogs" a considerar...

Caros leitores, permito-me aconselhar-vos a visita a dois "Blogs" que, desde hoje, passarão a constar dos meus "links", na certeza de que ambos merecerão também a vossa futura preferência.

"Social Democracia" (a quem felicito - ainda que atrasado - pelo 1.º aniversário cumprido a 11 de Agosto) e

"Laranjinha Metálica" ("nascido" no passado mês).



Publicado por rui.freitas às 02:58
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 7 de Setembro de 2006
Festas 2006, "o polo Negativo -" (Parte II de III)

0006r51q   o meu Voto Não vai para...

situações inexplicáveis, como a que é mostrada na foto: por "debaixo do pano", esteve uma roulote estacionada sobre a relva durante os 10 dias dos festejos e era habitual duas ou três viaturas permanecerem horas e horas nos acessos à "Avenida", dificultando a passagem aos visitantes, sobretudo mães que traziam os seus filhos em carrinhos de bebé...
0007eyrp

A propósito, pergunto: algum comissário se deu ao trabalho de constatar o deplorável estado em que ficaram as "oleosas" sarjetas ou a relva queimada pelo calor de alguns grelhadores?
E ainda mais: alguém percorreu periodicamente as MUITAS "barraquinhas de comes e bebes" para se inteirar das condições de higiene, qualidade de serviço e atendimento?
Tão lestos e críticos que eram (antes, claro...), em particular o "Conde de Costa Pinto" e o seu actual comissário "Visconde da Cinco de Outubro"... entre outros?
Por onde andaram os "Filhos do Reino" que faziam coro com a crítica fácil?
Deus meu: Quanto sofreu na pele "El Rei Freitas" deposto em 9 de Outubro passado! O "controlo" era diário, a "marcação cerrada", as reclamações constantes...
Bastava uma sarjeta entupida, uma mangueira a verter água para a estrada, a "perna" de um grelhador sobre a relva ou sob uma árvore... e caía o "Carmo e a Trindade"!
Pelos vistos, ao "Visconde da Cinco de Outubro" só lhe "caíu mal" não ter sido convidado para a excelente sopa de peixe do dia 30... a ponto de demonstrar publicamente a sua indisfarçável ciumeira!
Por estas e outras que tais, é que este "escriba" continua a andar "nas bocas do mundo"... Por entender que, os que criticaram tão violenta e continuadamente, eram OBRIGADOS A FAZER MELHOR. E não foi o caso!

Assim como não foi o do "Arauto de serviço", que "por acaso" até era "patrocinado" (auto-publicitariamente) pela sua própria empresa... E que, noite após noite, dedicava "lindas canções de amor" às funcionárias do "Arte & Tapas". Eh! Eh! Eh!
Ainda gostaria que ele me explicasse se as Festas se transformaram, de repente, na FIPA - Feira Internacional de Paço de Arcos?
É que, a partir do segundo dia, deixou de referir-se às Festas em honra do Senhor Jesus dos Navegantes e, a partir da terceira noite (creio), já as designava por "Certame"... A que propósito?
Este ignorante "escriba" entende que um "Certame" é uma "mostra", uma exposição ou um concurso... Nunca uma Festa religiosa e popular com mais de 130 anos!
Ah! Já percebi!
O mais certo era o "Arauto de serviço" estar a referir-se à autêntica "Feira carcavelense" em que tranformaram a "Avenida das Hortênsias"... Não?
Ali, "ao molho", o "freguês" encontrava desde soutiens a "pochetes", cuequinhas, meias, cintos, incenso, pseudo-artesanato, etc., etc., etc. E - pasme-se e confirme-se a falta de "controlo" que atrás referi... venda de sapatos em espaço (pago?) situado entre "barraquinhas".

00079s5t    0007b0zz

Esta "brilhante" ideia terá saído da cabeça do mesmo "iluminado" comissário que decidiu "escorraçar" para aquele local os "Stands" institucionais das "forças vivas" da Freguesia?
Aliás, nem estavam lá todas as habituais, "sobrando" duas que ninguém percebia a quem pertenciam! Vá-se lá saber porquê?
Espantados, caros concidadãos?
Não vale a pena... Ainda. Há mais, "já a seguir"!

Tal como aconteceu nos festejos dos Santos Populares (com a celeuma de todos conhecida), também o Núcleo de Instrução e Beneficência Rainha Santa Isabel teve direito (e com o meu aplauso) a "stand" próprio nas "Festas do Reino".
0007qk3b

Que "D. Xico Alvinho" tenha decidido vender cafés, águas e sumos, ainda vá que não vá. Agora, inaudito e chocante (para mim e muitas outras pessoas), foi a infeliz ideia de, "usando" o prestígio duma Instituição Centenária de apoio às Crianças, se permitir VENDER BEBIDAS ALCOÓLICAS (cerveja e whisky) nesse mesmo espaço.
Será que a necessidade de angariação de receitas já justifica TUDO?
Que terão dito ou pensado os seus colegas de Direcção?

E que dizer da cerca de uma dezena de feirantes que, "comercializando" artigos que nada tinham a ver com "comes e bebes", acabaram por transformar-se em autênticos "recantos gastronómicos", vendendo café, cerveja, whisky, "coiratos" e quejandos?

Se era para isso, porque é que a comissão "correu" com o tradicional "Restaurante Alerta", substituindo-o pelo "atrelado" da Delta e... mais uma esplanada (p'rós mesmos)? E com tão "esfarrapado" argumento: o de que o pequeno grelhador lançava fagulhas para o Parque Infantil (o que não é verdade) e, depois, tentando "atirar" ("e é se querem...") os nossos Escuteiros para a Praça 5 de Outubro (largo sobre os sanitários públicos), com todos os inconvenientes logísticos e de negócio.
Tal como "em outros tempos", o "Alerta" voltou ao Adro da Igreja, e pena foi que não repetissem o "protesto" de então, percorrendo o recinto das Festas amarrados uns aos outros... Quanto mais não fosse para confrontar "D. João Serrano" que, a meu lado e "à boca cheia", concordava com a "transferência", alegando que "no Adro até faziam mais negócio". Só se a sua presença (juntamente com "ABA & C.ª ") "arrastou" as gentes do "Reino".

Que a famosíssima "Ronalda" tenha (en)cantado em "play-back" (dizem-me, pois a essa hora jantava no Restaurante "O Bombeiro" com Amigos), nem todos se aperceberam, mas o que não passou despercebido foi a escassa participação na "Regata Patrão Lopes"... Eram mais os barcos de apoio do que os veleiros, que se resumiam a três!
Seria de facto porque em Cascais decorria a "Regata da Volvo" ou foi mesmo desorganização?
Então os convites e confirmações não deviam ter sido feitos a tempo e horas?
Lamenta-se, mais uma vez, que em tão poucos meses o CDPA perdesse o fulgor de outras eras!

Eu sei que já vai longa a crítica, mas nada que se compare com aquela que tive de "aguentar" durante sete anos... E que, hoje, alguns já perceberam ter sido injusta!
Por isso, amanhã há mais... E melhor!



Publicado por rui.freitas às 22:36
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 6 de Setembro de 2006
Festas 2006, "o polo Negativo -" (Parte I de III)

0006r51q    o meu Voto Não vai para...

o facto de, só durante os últimos dias e minutos depois de terminados os festejos no "Reino da Arcolândia", alguns dos mais directos responsáveis terem compreendido que, afinal, coordená-los, não é tarefa fácil...
Este escriba, infelizmente e mais uma vez, teve razão antes do tempo. Ou seja, depois do "Conde de Costa Pinto" ter tido a humildade de confessar-me que nunca pensou ser tão difícil organizar tão importante evento (que, antes, havia criticado em "Conclaves do Reino"), eis que me sai "ao caminho" (aí 1H20 depois de terminada a "função") o meu homónimo comissário "Silvado", questionando-me acerca da minha honesta opinião do "festim", cuidando desde logo em informar-me que a pergunta nada tinha de político-partidária... E acrescentou, "eu já fui PSD mas agora sou verde clarinho" (como se eu não soubesse!?). Finalmente, pensei eu, alguém usa o tempo correcto do verbo "ser"...
Honestamente - como me fora pedido -, disse-lhe haver gostado particularmente da derradeira noite (para seu espanto), tendo-me então confessado que até se disponibilizara a trazer a Paço de Arcos o famoso Quim Barreiros, "ambição" que o reduzido orçamento havia impedido. "Sem ovos não se fazem omeletes", desabafou - como se eu não tivesse passado pelas mesmas restrições orçamentais! Ou terá - estupidamente - pensado que todas as anteriores comissões andaram a "nadar em dinheiro"?
Trabalhar, cansa...
Para quem não tenha percebido ainda, o meu homónimo "Comissário Silvado" é o mesmo "S" que, a 13 de Julho (ler "post" abaixo) comentava malevolamente que eu deviar deixar de "cuspir" no prato de que havia comido... e outros "mimos" que tais!
Diz o ditado que "não se deve cuspir para o ar"..., e o "cuspo" foi cair-lhe direitinho na cara!
É que o "Comissário Silvado" - acérrimo fã da "festa brava -, além de ter sido o responsável pelos estridentes decibéis da campanha IOMAF, também tinha a seu cargo a contratação dos artistas (veja-se o "cartel" apresentado, o "esquecimento" a que foi votado Paulo Afonso - n.º 2 IOMAF a Algés [será que "desviou algum para proveito próprio" como acusou o "S"?] -  e logo se perceberá...), as apresentações em palco, a interpretação de alguns fados e - dizem-me - ainda o "controlo" do Bar "manhoso" localizado dentro do Rinque... (de que falarei adiante) e não só!

0007dt84   Noite de Fado sem "alma" nem "ambiente"...

Depois, dou comigo a magicar no que poderá ter contribuído para a escassa participação de fiéis na tradicional Procissão nocturna!? Ou, ainda pior, para a quase nula participação das várias entidades e "forças vivas da Freguesia e Concelho" que nela participavam!? Onde esteve, por exemplo, "El Rei de Oeiras" ou um dos seus "ministros" que, habitualmente, o substituíam?
A resposta, talvez esteja no que publicou a "escriba" do "Jornal da Costa do Sol" (em 31 de Agosto): "Uma vez mais, a imagem daquele santo (Senhor Jesus dos Navegantes) voltou a percorrer as ruas do casco histórico de Paço de Arcos, cumprindo-se uma tradição secular, sempre com muita gente, incluindo alguns turistas curiosos, a assistir à peregrinação. Lamentavam, no entanto, a falta de organização por parte da Junta de Freguesia de Paço de Arcos que, este ano, pecou por não distribuir programas sobre as actividades religiosas e profanas".
Eu próprio, modesto "plebeu", ainda estou à espera do "programa que temos o prazer de juntar" ao convite. Não fora eu lesto e ainda estaria a aguardar!
Ou, então, a razão também pode estar aqui... Quem sabe?

0007pfyk  ("O Correio da Linha" n.º 209, Ano XVIII)

Após a procissão, dirigi-me para junto do "arco das Festas", onde tradicionalmente a Fanfarra dos nossos "apaga-fogos" presta "vassalagem" (leia-se, continência) às entidades do "Reino"... Incluindo as que não estavam presentes.
"D. João Serrano" e os seus "nobres" - "Conde de Costa Pinto", "D. Arnold So Ares", "D. Nuno de Linhares" e "D. Luís Fininho" -, corresponderam e lá seguiram para o "lauto banquete".
Só que a voltinha dos "apaga-fogos", este ano, foi mais curta e rápida, impossibilitados que foram de prosseguir até ao busto do "patrão" Lopes, devido ao desmesurado camião que o "brilhante cérebro" do "Marquês de Bivalves" decidiu "plantar" no local menos próprio!

0007cc9a   (2 a 2,5 metros de espaço para passar)

E ainda por cima, "escorraçando" o "vendedor" de malas do seu lugar de há mais de 20 anos (bem antes deste camião), com o esfarrapado argumento de que "afunilava a passagem"... É preciso ter lata!
Mas, adiante!
Quando me dirigia para o "banquete", pensei de mim para "comim": vou encontrar um salão a abarrotar de amigos e "companheiros de armas" de "D. João Serrano"...
Puro engano. Não contei um por um, mas tenho a certeza de que não estavam presentes mais de 30 convivas. Se destes descontarmos os "nobres da Corte" e esposas/esposos e os "comissários dos festejos" e esposas/esposos, ficavam para aí uns 20 "plebeus"...
Pela primeira vez (desde 1993, quando passei a ser convidado e depois anfitrião), foi o "banquete" menos participado de sempre.
Será que "D. João Serrano" se esqueceu de convidar as Chefias do "Reino de Oeiras", que tanto gosto faziam e quase nunca faltavam aos "festejos da Arcolândia"? Já "não lhe dão jeito"?
(Um abraço forte para eles e para elas...)
00076dg2

Até "El Rei de Oeiras" se fez representar (também pela primeira vez - antes, era pelo menos um "ministro do Reino") por simples Adjunto, o Dr. Luís Manuel Roldão, (ex-Mandatário da Candidatura IOMAF), que até "fez o favor" (ou o "frete") de marcar presença na homenagem ao grande "patrão" Lopes...
Para variar, o protocolo (sabem o que é?) foi mais uma vez esquecido, com o "Conde de Costa Pinto" a "botar faladura" depois de "D. João Serrano", repetindo o erro no final da actuação do "Grupo Gerações"...
Já agora - e ainda que mal pergunte - "D. João Serrano" não se dignou comparecer à inauguração do  "3.º Salão da Vila", porquê? Até era no Salão Nobre do CDPA...!
0007kbt0   "onde andará El Rei?"... cogita Barral

Andaria a passear pelo "certame"... de que falarei amanhã?



Publicado por rui.freitas às 23:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 5 de Setembro de 2006
Conversa de "fim de festa"
Após uma conversa de “fim de festa”, fiquei a saber (pelo próprio) que o “comentário” abaixo, colocado no meu “blog” a propósito do texto E depois estranham que eu saiba coisas..., não era do “S” mas sim do “RS”.
Apenas para vos recordar, aqui ficam o “comentário” e respectiva “resposta”, antecipando assim um pouco do que será “o meu Voto Não vai para...” que tentarei concluir amanhã (hoje), dia 5 de Setembro.
 
O Comentário:
De S a 13 de Julho de 2006 às 00:48
Tanto mal se fala...
Por amor de deus, deixe quem tenta fazer alguma coisa pelas festas da freguesia em paz e pare de "CUSPIR" no prato que comeu. Ou será que o autor de tantos artigos a tentar sujar a cara de alguns, quer que as festas sejam a desgraça do ano passado, onde havia jantares pra todos "E mais alguns", onde haviam restaurantes que nem pagavam o espaço e..... quem sabe se com cachets de artistas não desviaram algum para proveito próprio.
Se realmente quer falar, que fale, mas depois do dia 3 de Setembro. Aí sim, poderá "descascar" na comissão, se esta não tiver cumprido para a alegria de todos os fregueses.
As minhas saudações para o "EX-AUTARCA"!!!!
 
A Resposta:
De rui.freitas a 14 de Julho de 2006 às 02:41
Caro ou Cara "S",
As suas baixas insinuações não me atingem, pelas razões que terei a paciência de lhe explicar: "Desse" ou de outro "prato" qualquer do género, nunca "comi"; Se "sujar a cara de alguns" é dizer a verdade, então está na hora de a limparem (levava tempo, é certo!);
Curiosamente, os "beberetes" de abertura e encerramento das Festas 2005 (que sempre se fizeram, e alguns [antes do meu mandato, rectifico agora] até tiveram direito a lagosta... sim, lagosta), foram dos de maior contenção;
Restaurantes não "pagantes", apenas os dos Bombeiros e Escuteiros da nossa Freguesia (como sempre foi e eu concordo em absoluto);
Os "cachets" eram pagos em cheque e estão devidamente contabilizados nas contas apresentadas. Se está habituado(a) a "desviar algum" em proveito próprio, ey não!);
Falarei, naturalmente, antes, durante e depois de 3 de Setembro, porque tenho do meu lado a razão e a verdade (aliás, limito-me a escrever sobre o que me contam pessoas de confiança e pelo que eu próprio vejo e assisto);
Na qualidade de presidente da Junta, presidia à Comissão de Festas, junto da qual NUNCA INTERFERI, até porque o resultado apresentado sempre foi excelente;
Agradeço as suas saudações, mas não sou ex-Autarca... sou ex-Presidente!
Volte sempre.


Publicado por rui.freitas às 02:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 4 de Setembro de 2006
Festas 2006, "o polo Positivo +"

0006sp18   o meu Voto Sim vai para...

muitas das iniciativas que engrandeceram a edição de 2006 das mais do que centenárias Festas em honra do Senhor Jesus dos Navegantes... Que as houve, sem dúvida, pelo que aqueles que esperavam da minha parte uma catadupa de críticas e de "bota abaixo", verão que se goraram as suas expectativas.
Quanto mais não fosse, porque tendo sido responsável indirecto pelas Festas, desde 1999 a 2005, sei distinguir perfeitamente entre o que é uma dificuldade inesperada e, às vezes, incontornável, e uma falha de quem descurou pormenores que deveriam ser evidentes e resolvidos em devido tempo.
Apesar de não ter estado presente em todas as actividades (algumas das quais me foram posteriormente descritas por pessoas de extrema confiança), começo por destacar a sempre imponente Procissão do domingo, manifestação de Fé sempre muito participada e que em nada deslustrou anteriores actos organizadas pela nossa Paróquia, provando assim que, quem sabe nunca esquece.

(Clicar em todas as imagens, para as ampliar)

0006tgcx    0006w6qy

0006xpcc    0006yp37

Já no que ao âmbito profano das Festas diz respeito, atrevo-me a conceder "9,9 valores" (numa escala de "1 a 10") ao "3.º Salão da Vila", manifestação Cultural promovida e organizada pela Associação "Paço de Artes" que, de ano para ano, tem vindo a superar-se em qualidade sem nunca exagerar na quantidade.

0007gb1g    0007hcad

Tendo por base a mesma "escala de valores", atribuo igual pontuação ao "Grupo Gerações", dirigido pelo Maestro Mário Santos, que brilhantemente actuou na nossa Igreja da Sagrada Família, lamentando-se apenas a fraca assistência e o "erro de protocolo" de que vos falarei no "Voto Não".

0006zbky

Muito animada e participada com inegável alegria, foi igualmente a "Tarde Infantil" que teve lugar no palco fronteiro ao Coreto e posso também garantir-vos que a "Noite Africana" quase encheu o Rinque Leocádio Pórcio, fazendo bambolear dezenas de pares com os quentes ritmos desse grande Continente.
Não assisti (porque jantava com Amigos que convidei para conhecerem as nossas Festas), mas dizem-me que a "Noite da Juventude" cumpriu o seu objectivo e também que a retoma da "Garraiada na Praia Velha" acabou por mobilizar muitos assistentes e "aficcionados", mais cornada menos cornada... Valeu o esforço!
Já Dulce Guimarães pode ter "vencido" na mobilização de alguns tímidos casais de "dançarinos", mas não "convenceu" - nem mesmo com recurso à curta mini-saia - a grande maioria dos espectadores que a foram escutar, o mesmo não se podendo dizer do muito participado "Baile Senior" que encheu literalmente o recinto e alegrou os menos jovens paço-arcuenses.
As "Macanitas de Tercena", o "Rancho Folclórico de Vila Fria", o grupo "Canta e Dança" e o "Grupo Solidariedade Musical de Talaíde" (que há muito marca presença destacada e condigna nas nossas Festas), estiveram à altura dos seus "pergaminhos" e não desiludiram os visitantes, o mesmo se podendo dizer dos Torneios de Futsal, Volei e Bech Tennis organizados pelo representante da CHE Nova Morada (David Silva), que se esperavam difíceis de realizar no já "curto" espaço existente na Praia Nova.
Cumpriram-se - como se esperava - as homenagens junto ao monumento do lendário "patrão Lopes", no seu túmulo e no de D. Leonor Faria Lopes, lamentando-se tão só - e pela primeira vez, tanto quanto me lembro - a ausência de, pelo menos, um Vereador em representação do Presidente da Câmara Municipal de Oeiras, este ano substituído pelo Exmo. Sr. Dr. Luís Manuel Henriques de Oliveira Roldão, Adjunto do Sr. Presidente e Mandatário da Candidatura IOMAF.
Termino, da mesma forma como comecei:
"Quem sabe, nunca esquece"... Muito menos, quando se trata de profissionais!
Depois de muito "sofrer" para conseguir lugar para estacionar (como todos os anos), não posso deixar de destacar o excelente espectáculo piro-musical proporcionado pela Pirotecnia Oleirense, com a sempre infalível coordenação entre som e fogo de artifício, que arrancou a habitual salva de palmas dos milhares de assistentes ao culminar das Festas 2006.

00071cd0    0007008e

Por hoje, registo apenas o sincero "desabafo" do Presidente da Comissão de Festas, a quem disse na quarta-feira: "Sr. Abrunhosa, criticar é fácil... fazer é muito mais difícil"!

(Próximo "episódio": "O meu Voto Não vai para...")



Publicado por rui.freitas às 23:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 3 de Setembro de 2006
E ainda dizem que Marques Mendes não fala... Pudera!

"Crescer 3%" - Discurso de Rentrée de Marques Mendes, em Castelo de Vide

Atacar Luís Marques Mendes pelos seus (supostos) silêncios, é coisa que está na moda desde que ele foi eleito Presidente do Partido Social Democrata, numa eleição em que outros opositores "se cortaram" e não foram a votos.
Desde então (porque será?), a "campanha" anti-Mendes tem vindo a roçar as "raias" da imbecilidade, sobretudo porque "manipulada" por dentro, fazendo crer ao eleitor anónimo que o PSD tem um "líder fraco", incapaz de fazer valer as suas ideias e os seus projectos.
Nada de mais errado e enganador...
Marques Mendes está, isso sim, a "sofrer na pele" os custos dos diversos actos de coragem, coerência e credibilidade que sempre o vi defender acerrimamente dentro do Partido. E se poderia ter saído e aceite lugares principescamente pagos... Mas nunca o fez!
E nem todos podem dizer o mesmo...
Vem isto a propósito da realização da "rentrée" social-democrata que está a decorrer em Castelo de Vide, desde 28 de Agosto até hoje.
Criticado em jornais, rádios e televisões por não ter estado presente no "novo Pontal", foi pelos mesmos "silenciado" na sua importantíssima intervenção política na "Universidade de Verão".
Bastas vezes, ouço as suas intervenções na Assembleia da República, no Canal Parlamento e, à noite, espero em vão o eco das suas palavras em qualquer dos quatro canais televisivos...
Silêncio absoluto!
Foi o que aconteceu, mais uma vez, neste "regresso" pós-férias em terras alentejanas.
Felizmente, não fui apenas eu quem reparou neste "pequeno esquecimento".
No "Corta-fitas", acabo de ler um "post" de João Villalobos, que define com exacto rigor como se pode, sem-cerimónia, "censurar" o líder do maior Partido português, actualmente na oposição.
Sob o título "Apagão", João Villalobos diz o seguinte:
"Um acidente de há um ano, causado por um buraco na estrada. A Feira das Bruxas e Charlatães em Vilar de Perdizes. O Congresso dos Bigodudos. Et caetera para pior. São 14.45 e, para a SIC Notícias, o discurso de Marques Mendes em Castelo de Vide não existiu.
Depois, venham falar-me da RTP e dos incêndios..."

Digo eu: E depois, venham falar-me do "silêncio" de Marques Mendes...



Publicado por rui.freitas às 17:42
Link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Sábado, 2 de Setembro de 2006
Um novo recorde de visitas

Em Agosto, o blog "Pinhanços Dixit" voltou a registar novo recorde de visitas. Nada mais nada menos do que 2.610 internautas.
0006p4g8

Destaco, no entanto, o número de visitantes registado no dia 28 de Agosto, que foi de 228 !
Já superámos o "número mágico" dos 7.500... e continuaremos a subir!

0006qtky

A todos, o meu muito obrigado e a certeza de que espero continuar a contar convosco do mesmo modo que poderão continuar a contar comigo...



Publicado por rui.freitas às 18:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS