Terça-feira, 21 de Setembro de 2010
"Calçar um par de patins"

Esta, é uma expressão comummente utilizada, quando nos queremos referir a alguém a quem estão prestes a desalojar do lugar ou "poleiro" onde se encontra, substituindo-o por outro... ou outra. Nem sempre com mais qualidades, diga-se em abono da verdade.

Lembrei-me deste ditado, quando li o artigo de opinião, escrito por Nuno Campilho e publicado no Jornal de Oeiras de 14 do corrente.

Inicialmente, coloquei a hipótese de publicá-lo na íntegra e sem qualquer comentário da minha parte. Mas, confesso que não resisti a responder ao autor, pois que ao Jornal em questão só me cumpre desejar muitos sucessos (já fui director-adjunto na Imprensa Regional e sei quão difícil é sobreviver sem "certa" publicidade institucional...).

Acabei por dividir o artigo em duas partes: a primeira, onde entre futeboladas, atoardas e disparos em várias direcções o autor assume o papel de julgador em causa própria (o que é sempre conveniente); e a segunda, essa sim merecendo-me apenas o epíteto de baixíssima falta de gosto.

Eu disse gosto (de finura, lisura, bom trato) e não "gosto" (de gostar, amar, admirar - sobretudo o "pai"...); são coisas bem distintas e, já reza o velho fado, "de quem eu gosto, nem às paredes confesso". Será o caso? Não, não é certamente; basta ler nas entrelinhas!

Antes de tecer quaisquer outras considerações, deixo à vossa leitura a brilhante peça do "escriba", não sem lhe asseverar isto: desengane-se, se pensa que de alguma forma me atingiu com o seu "Sol e/ou Lua", pelas seguintes razões: esta "carapuça" não me encaixa e, à excepção dos bons velhos tempos de Liceu (onde uma paixoneta por uma colega não foi correspondida), nunca por nunca "levei com os pés".

Posto isto...

 

(clicar no texto, para ampliar)

 

Admito que ninguém, no seu perfeito juízo, critique publicamente uma iniciativa da qual era (foi e é) o primeiro e principal responsável, como bem antecipou na Mensagem constante do Programa das Festas... que eu relembro aqui: "Em última análise, para o bem e para o mal, o resultado da edição de 2010 das Festas em honra do Senhor Jesus dos Navegantes, será da minha responsabilidade". Lembra-se?

Mas mandam o bom senso e a humildade (que demonstra desconhecer) que não "embandeire em arco" nem se faça passar pelo "maior" (ia a escrever, da paróquia, em sentido figurado, claro...) quando, afinal, "a edição de 2010 das Festas" em muito pouco, quase nada, se diferenciou das anteriores. Sobretudo porque teve todos os meios financeiros e mais alguns, como nunca ninguém teve até ao corrente ano! Aliás, a saga continua, com a UATLA a enxamear toda a Freguesia, vá-se lá saber porquê e com que autorizações, ainda que a CMO seja accionista maioritária com 41,31%...

Dizem que da "garrafinha" que cobre o géiser, a Junta viu "népia", mas a verdade é que foram mais do que muitos os outdoors publicitários e, como já aqui provei, os "seus" SMAS abriram mesmo os cordões à bolsa... como têm feito nos últimos tempos; tendo um logótipo azul, é razão suficiente para servir de "saco" da mesma cor!

Fez muito bem, por isso, em agradecer aos "patrocinadores, apoiantes e parceiros institucionais", sem os quais - tenho a certeza - "a coisa" poderia ter corrido pior...

Como lhe fica bem - a si ou a qualquer outro detentor de cargo dirigente - agradecer aos anónimos "funcionários da Junta e da Câmara, aos voluntários (?), aos bombeiros, paroquianos, polícias, atletas, artistas, artesãos, músicos, produtores" e bem assim - dou-lhe esta de bónus - aos colegas de Executivo e "presidenta" da Comissão de Festas e quantos a compuseram.

Como os meus pés estão intactos e não levaram nenhum "tiro", aconselho-o, Caro Nuno Campilho, a criar rapidamente na Junta de Freguesia a figura e o cargo de "provedor dos desocupados"; nunca se sabe...

Gostei que tivesse recordado no artigo o exemplo do nova-iorquino Giorgio (felizmente, não os conheço, nem a ele nem a Nova Iorque), o que me permitiu reavivar a memória para tempos passados... digamos, aí para uns oito, 12 ou 15 anos atrás, quando era Chefe de Gabinete ou coisa que o valha!

 

Finalmente, deixo à consideração dos leitores do "Pinhanços dixit..." as "pérolas literárias" constantes da parte final do seu artigo de opinião, na qual não "levou com os pés" mas fez questão de "dar com os pés" naquilo a que "comummente" se designa por boa educação. Por mim, tudo bem, mas ao menos respeite os "seus" leitores e o Jornal onde escreve!

 

 

"Opinião e Cultura" é o título da coluna onde escreve; lamentavelmente, tendo como qualquer cidadão livre o direito a expressar a sua opinião, deveria fazê-lo de modo mais culto!

Ainda recentemente, uma senhora comentadora insinuava que eu, como Jornalista, devia confirmar melhor as minhas "fontes". À senhora em questão, já respondi devidamente; aproveito agora para lhe dizer, Caro Nuno Campilho: primeiro, cuidado com as "esquinas" paço-arcuenses; segundo, se você fosse jornalista e eu seu chefe de Redacção ou director, quem lhe "dava com os pés" era eu!



Publicado por rui.freitas às 00:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

29 comentários:
De Anónimo a 21 de Setembro de 2010 às 07:30
É este ser humano tão baixo e reles que governa os destinos de Paço de Arcos e administra uma empresa municipal que em ultima instancia é de todos nós? Sabia da sua falta de liderança, do seu pouco profissionalismo e pouca ética, mas o que aqui nos apresente é de uma baixeza e falta de educação que ainda com a idade que tenho me deixa perplexo. Ao que isto chegou senhores. Será que o director do jornal onde essa porcaria foi colocado não tem vergonha? É que vergonha é o que deveria ter esse senhor Campilho e quem permite que uma coisa como essa saia à luz do dia.


De rui.freitas a 21 de Setembro de 2010 às 23:14
Caro Anónimo (21 de Setembro de 2010 - 07:30), essa é a minha principal pergunta e ao mesmo tempo preocupação: como é que um director de Jornal digno desse nome, permite a publicação de um artigo de opinião deste teor? Não sei; ou melhor, sei: a chamada publicidade institucional é importante para equilibrar as finanças de um órgão de C omunicação Regional. Será que isso justifica tudo? Não!
Como escrevi, fui director-adjunto do extinto "Espaço Çinha - Magazine"; extinto precisamente porque não bajulava, não curvava a coluna, não se vendia... Enfim!
A pessoa em questão - o escriba - é ilegalmente presidente da Junta de Freguesia de Paço de Arcos, como disse em Assembleia de Freguesia no mandato 2005/2009 e é também administrador dos SMAS (o tal "azul" que tem servido a CMO). Mas está lá pelo voto livre dos eleitores e ruidosa campanha eleitoral. Só que isso não lhe dá (não devia dar) o direito de zurzir de forma tão baixa seja lá quem for!
Demonstra o que lhe vai realmente na alma...


De Abel a 21 de Setembro de 2010 às 14:14
É muito parecido para pior com o pai. Faz a festa, lança os foguetes e apanha as canas. Pode ser que em breve lhe caiam algumas canas na cabeça...


De rui.freitas a 21 de Setembro de 2010 às 23:18
Caro Abel, acho mesmo que o "pai" (profissionalmente falando que ele citou) nunca se atraveu a tanto... pelo menos publicamente. Faça-lhe essa justiça.
Desta vez, o "filho" saiu pior do que o "pai" e exagerou na vernácula linguagem de carroceiro.
Lembra-se do título do artigo de 12 de Janeiro? Eu recordo-lhe. Era "O perfeito anormal".
Percebeu agora o porquê?


De passei or aqui a 21 de Setembro de 2010 às 16:47
Não sei como o amigo Rui de Freitas faz, mas consegue por a careca á mostra de toda esta gentalha como diz.
E este fica mesmo abaixo de carroceiro, sem ofensa para os ditos, usando esta linguagem. E o jornal não reage, permite a publicação de um artigo destes? Será que a publicidade da câmara e smas são a única fonte de receita do Jornal de Oeiras?
Usa palavrinhas e citações filosóficas muito rebuscadas mas vamos a ver e por baixo não tem nada, só palavrões. Já sabiámos que o presidente da Junta de Paço de Arcos e dos SMAS era prepotente, agora ficamos a saber que também é rude e mal educado.
Está bem para a pandilha que o acompanha, sobretudo com aqueles que o trairam caro amigo Freitas.


De rui.freitas a 21 de Setembro de 2010 às 23:25
Caro "passei por aqui", eu próprio às vezes também não sei. Só sei que as notícias "vêm-me parar às mãos", mesmo quando ainda delas não tomei conhecimento. Sabe, posso ter perdido alguns "amigos" mas graças a Deus ganhei mais do que aqueles que perdi... e já não fazem falta, como nunca fizeram!
Acima, tornei a deixar a minha estranheza pela não reacção da direcção do Jornal de Oeiras.Será que vai acontecer? Acho que não. A publicidade institucional "obriga" a engolir tudo e mais alguma coisa! Penso mesmo que, conhecendo o seu director, Alexandre Gonçalves, deve estar a roer-se por dentro mas, "noblesse oblige"...
É a vida, meu Caro, e quando não "tomamos chá em pequeninos", é nisto que dá!
Sobre traidores, nem vale a pena responder-lhe, como perceberá. O tempo se encarregará de corrigir as injustiças.


De Paulo Lopes a 21 de Setembro de 2010 às 20:48
A educação e as boas maneiras não se compram. Aprendem-se desde pequenino.
E desta gente já nada me espanta!


De rui.freitas a 21 de Setembro de 2010 às 23:28
Grande verdade, Amigo Paulo... falta de chá, apenas.
Cada um com as suas experiências políticas - você mais nacional e eu mais local - mas, de facto, aprendemos que já nada, mesmo nada, nos pode espantaar.
Com esta gentalha, é o vale tudo.


De Zé Alves a 21 de Setembro de 2010 às 23:49
Fónix! Pensei que o Bocage tinha ressuscitado! Fónix!


De rui.freitas a 22 de Setembro de 2010 às 00:11
Antes o Bocage, Caro Zé Alves. Ao menos esse repentista sabia ser acutilantemente irónico. Este...


De Anónimo a 22 de Setembro de 2010 às 09:33
Amigo Rui permita-me o desabafo.
Eu não sabia desta porcaria porque não leio o Jornal de Oeiras e qual foi o meu espanto quando li aqui o que aquele Perfeito Anormal escreveu. Não me estranha que tenha sido publicado naquele jornaleco, porque apesar da consideração que o Alexandre me merece, todos sabemos que quem manda é o Elias e daquele sim se pode esperar qualquer coisa que não seja decente. No meio disto o que me deixa atónito é este texto. O Sr. , Campilho há muito que nos mostrou quem era e de que material é feito, mas tentei perceber uma coisa. Quem são os homens e mulheres que constituem a sua base de apoio, a sua lista a Paço de Arcos. Encontrei um Presidente do Agrupamento de Escolas, Uma Comercial Remax premiada e presidente da Associação de Pais, Um Engenheiro numa Multinacional, um Médico Dentista ligado à nossa igreja, um comercial da Cimpor, um Promotor de Eventos, uma proprietária de Restaurante, uma Organizadora de Exposições, um reformado da CMO e por ai fora.... alguns deles são jovens, com certeza com filhos e alguns com filhos pequenos. Por mais que tente perceber, não vou nunca entender como é que estas pessoas que à partida parecem ser formadas, criteriosas e decentes podem defender e apoiar este senhor que tanto faz por envergonhá-los, por desrespeitá-los. O que dirão um dia aos filhos quando lhes falarem nesta aventura politica? como podem justificar o facto de apoiarem e fazerem parte de um grupo cujo líder se permite tamanha falta de respeito para quem o apoia. Não se dão conta de que isto os salpica e mancha a eles? será que percebem que serão medidos e julgados pelas atrocidades cometidas pelo seu líder Tudo o que o Sr. Campilho publicou naquele infame artigo podia lá estar apesar de não ser informação importante, manter as ideias mas com linguagem educada e cuidada, sem insultos e o uso de um vernáculo lamentável, o que de resto se espera dum Senhor que gere os dinheiros duma EP que é de todos nós e que, pior ainda, é o presidente da nossa Junta de Freguesia. O que sentiram as pessoas que votaram nele, que o apoiaram ao ler de que madeira está feito aquele Senhor? Onde anda a vergonha? Será que o Dr. Isaltino, com todos os problemas que tem que enfrentar, se sente satisfeito ao ler que anda por ai um auto intitulado filho, a dar dele esta imagem? É que apesar de tudo o que possam apontar ao presidente da Câmara este nunca foi tão baixo. Fica-me uma duvida, não deveria o Dr. Isaltino "dar com os pés" a este homem que faz por envergonhá-lo? Não deveria o Dr. Paulo Vistas, como presidente da AOMAF levantar-lhe um processo disciplinar pela forma como desonra o movimento? Não deveriam os senhores e senhoras que fazem parte da lista deste senhor presidente "dar-lhe com os pés" pela forma como este os envergonha? Será que estes homens e mulheres se sentem bem, confortáveis em dizer que este é o líder por quem lutaram? como se podem justificar perante as suas esposas, maridos, filhos, famílias, colegas de profissão e amigos? Ao fim e ao cabo o Sr. Campilho "DEU COM OS PÉS" na decência, no respeito que deve a quem votou nele, nos seus colegas de Executivo, à Assembleia de Freguesia e às respectivas famílias.
Não vale agora vir escudar-se em que foi o cidadão Campilho que escreveu esta porcaria, porque o Presidente Campilho vangloriou-se da Festas que o Presidente Campilho e comparsas organizaram. Logo, quem escreveu foi o Sr. Presidente da Junta de Freguesia de Paço de Arcos e é esse que merece "Levar com os pés".
Amigo Rui, que indecência, que falta de profissionalismo, falta de respeito, atentado ás boas maneiras, degradação moral a que assistimos na nossa Paço de Arcos. Sinto-me indignado, mas serei o único ?
Perguntei a uma mutuo amigo se conhecia alguns dos membros da Assembleia IOMAF e fiquei a saber que poderá haver quem não tolere este tipo de comportamentos e que não compactue com este tipo de indecências, que alguns deles são pessoas decentes e de valores morais e familiares fortes e a quem este tipo de acções só os faz sentir envergonhados. Eu espero para ver se um lugarzinho da Assembleia é mais importante que estes valores familiares e morais.
Espero para ver.


De Zé Alves a 22 de Setembro de 2010 às 13:27
Depois de tão eloquente critica, nada mais há para dzer, melhor, dixit.


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 02:08
Caro Zé Alves... só isto: :-)))


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 01:43
Pois é, Caro Anónimo (22 de Setembro de 2010 - 09:33), ao Elias Martins cabe a função de "meter os €€€ lá na casa" e ao comum amigo Alexande Gonçalves a de... comer, engolir e calar. É a vida, como dizia o "outro".
Com os "currícula" que refere, que mais podia esperar? Que se sentissem ofendidos? Que reagissem? Não, meu Caro... a vida "costa", digo, custa a todos e nunca se sabe o dia de amanhã. Ou não será assim?
A "revolta na Bounty" de que tenho ouvido falar, ainda não se concretizou de todo. Porque será?
Longe de mim a idéia de que a censura deve regressar ao nosso País. Mas que o administrador dos SMAS, da Universidade Atlântica... perdão - o presidente da Junta de Freguesia de Paço de Arcos deveria ter sido mais comedido nas suas palavras, lá isso devia. Mas, como sempre digo: as boas acções ficam com quem as pratica!
Falando a sério; o vernáculo utilizado por Nuno Campilho até pode ser aceite numa "rodada" de amigos, mas nunca num artigo de opinião publicado num Jornal dito "sério", por muito que a publicidade lhes faça falta!
E, como bem refere, ele nem se deu ao cuidado de escrever como simples cidadão, antes como presidente da Junta, dupla qualidade que o obrigará (espero) a pedir desculpas ao leitores e eleitores.
Se assim não for, aconselho-o a adquirir rapidamente uma máquina de lavar e, mesmo assim, desconfio que a nódoa que manchou a sua (já fraca) reputação, jamais sairá com qualquer detergente patrocinado pelos SMAS.
Dos "correlegionários", aconselho-o (a si, Caro Anónimo) a não esperar muito mais: por compadrio, interesse ou medo, todos vão comer e calar!


De Luis a 22 de Setembro de 2010 às 17:55
Dias tristes se vivem nesta casa, o clima de desconfiança e de desconforto paira no ar. Autorização só temos mesmo é para respirar.
Ao que esta casa chegou!


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 01:49
Pois é, Caro amigo Luís, como eu o compreendo; Deixe lá, na CMO passa-se o mesmo! Quem quisesse clicar na imagem do texto para o ler... bem podia esperar sentado: não abria.
E se eu sei que "o pessoal" anda mais do que farto de os aturar...!
Cambada de incompetentes... mas com poder. E, contra isso, há que assobiar para o lado e negar, negar sempre que lêm o "blog" do Freitas...


De Luis a 22 de Setembro de 2010 às 19:55
Já aqui foi dito. É uma vergonha para Paço de Arcos o facto de terem depositado o seu voto (aqueles que o fizeram) para eleger este energúmeno .</a> Não há justificação para que quem se diz doutor, que apresenta um currículo cheio de cursos e formações se digne a apresentar a publico e por escrito tamanha indignidade. O que me espanta ainda mais é o facto de escrever intimidades laborais num jornal local. Mas que raio de exemplo é este? Pior, mistura assuntos sérios com futebol. Tamanha irresponsabilidade! Eu fico abismado com estas coisas, com o que todos os dias nos é apresentado sobre este "gajo". É que cada uma é pior que a outra. Já aqui alguém perguntou se o Pres. Isaltino compactuará com este tipo de comportamento aberrante, mas se alguma coisa sabemos do Pres. da CMO é que não deve achar graça nenhuma a estas coisas porque em ultima análise, este filho perdido e perturbado, também está a lançar lodo sobre a sua pessoa, não fosse o Dr. Isaltino o seu padrinho e pai politico. Começo a pensar que o Nuno Campilho está mesmo perturbado, que este comportamento desviado só pode ser fruto de algum problema psicológico profundo. Será que ele não pensou que tem um grupo de pessoas cujos nomes estão irremediavelmente associados à sua pessoa e que, se forem pessoas honestas e decentes, querem mesmo é distância deste energúmeno .</a> desrespeitador.
Queria dizer aqui que estou chocado, mas não é certo. Eu conheço bem a peça e do que é capaz. A mim isto já nem me espanta. Espanta-me sim é os seus companheiros de lista e membros de Assembleia se mantenham calados e de deixem ofender desta forma. Onde está a moral e boas costumes desta gente? ou são todos farinha dum mesmo saco? Agora é que vamos ver quem são estas pessoas.
Quem se sentir obrigado a compactuar e defender este presidente que tanto nos envergonha a todos, pode faze-lo, da forma que entender, sentado onde quiser , mas a mim custa-me a crer que até "ele" não se tenha sentido ofendido e decepcionado com esta atitude .
Vergonhoso é o mínimo que se me acorre.


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 02:02
Que mais posso dizer, Caro Amigo Luís? Nada!
Apenas que o próprio dr. Isaltino Morais deve rapidamente chamar "sua excelência" ao seu gabinete e dar-lhe uma valente "descasca".
Como "pai político", como mentor, como quiser, deve fazê-lo "rapidamente e em força", para bem de Paço de Arcos e do Concelho de Oeiras.
É que, além do mais, a apresentação, discussão e eventual aprovação das GOP's para 2011 estão aí à porta. E não chega anunciar um "crescimento zero" para o dito... Terá de ser "zero, menos zero, menos zero"!
Como dizia o cego: "a ver vamos"...


De AJ2R a 22 de Setembro de 2010 às 20:09
Sou neófito nestas andanças de intervenções bloguistas, embora acompanhe por este fórum o que se passa em Paço de Arcos.
Este facto, este “artigo” na coluna de opinião e cultura do Jornal de Oeiras assinado pelo Presidente da Junta de Freguesia de Paço de Arcos, leva-me a tecer alguns comentários:
1 – O “artigo” tem pouco interesse para a maioria da população residente na freguesia – é um recado para alguém;
2 – O seu conteúdo nada tem a haver com cultura, diria: antes pelo contrario;
3 – Trata-se mais de um auto-elogio do próprio por interposta pessoa visto que elogia a presidente da Comissão de Festa e restantes membros do executivo;
4 – Foi escrito em termos soezes e pouco dignos para a pessoa em questão e para a instituição que representa.
Pelo que, aproveito este fórum, para deixar o meu lamento por insólito facto que em nada o dignifica.
--ar


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 02:14
Caro AJ2R. em primeiro lugar, obrigado por seguir este despretencioso blog, que apenas e só pretende despertar consciências para a realidade local, regional e, se me permite, nacional - algumas vezes.
Depois, dizer-lhe que concordo plenamente com os quatro pontos assinalados mas, permita-me, sobretudo com o último.
Há quem defenda que "somos o que comemos"... eu ac rescento que somos o que escrevemos!


De Pessoa Fernando a 22 de Setembro de 2010 às 22:56
Ohhh rapazito de graça Nuno,
Citar o meu nome em, ... vão de escada e na porta da latrina!!!???'
Valha-me Sto. Deus da Água.
Ainda, se o rapazola tivesse citado o meu colega BBOCAGE.
Vá que não vá!
Seriam ambos, os 2, depravados e malcriados.
O Bocage nunca se importou e frazia gala.
Agora o rapazola tem responsabilidades, bem sei que nunca as assumiu, ...mas cargos de eleição são votados por quem LHE PAGA!
Veja se tem juízo e se não tiver os "Canhões" do Bocage, vá à vida ... igual à que o Zé Maria Barbosa do Bocage mais apreciava!!!!
Finas donzelas de largos decotes e tetas soberbas!


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 02:19
Caro Pessoa Fernando, então o "rapazito" anda a chateá-lo? Essa é boa... E por mor de quê ou de quem?
Se calhar, anda "ofuscado" pelos decotes de que tanto gosta! Deixe lá... Um dia, o "decote" desce tanto que o decoro se evapora ainda mais e definitivamente!


De rui.freitas a 23 de Setembro de 2010 às 02:38
Ah! Gostei dessa de "ambos os 2"... :-)))


Comentar post

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Obituário (1): faleceu o ...

De mim, para todos...

Poupança ou... desperdíci...

Já assinou?

Mais uma derrota... que n...

Mais uma derrota... que n...

"Despachados" e secretari...

Até a(s) barraca(s) abana...

Levantando um pouco do vé...

A "importância" do PDM-Oe...

Perguntar, não ofende...

Fim das sondagens sobre o...

29 de Setembro, no Municí...

Até já!

Por esta, muito menos... ...

Por esta, não esperava eu...

Fiquei com uma dúvida...

Revisão do PDM de Oeiras

Apagar o fogo com... gaso...

Isabel Sande e Castro: a ...

Ai João, João...

A "importância" do PDM-Oe...

Ainda o PDM: BE questiona...

PDM Oeiras já está em dis...

"Palavra, depois de dita....

Há cada mistério...

Desfeito o "mistério"...

Esta, sim, é uma excelent...

Temos candidato à Junta d...

Vou Cabo Verde

Ou és por mim...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS