Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007
Centro de Emprego ou "pescadinha de rabo na boca"?

000g0asa

Todos sabemos que é difícil conseguir um emprego em Portugal (e não só...). Mas há excepções que confirmam esta regra.
Eu explico:

A minha mulher é de nacionalidade Peruana e, embora tenha Autorização de Residência até ao ano 2010 (está agora a tratar de obter nacionalidade Portuguesa), nunca trabalhou ou fez qualquer desconto em Portugal. Como os euros não abundam, inscreveu-se há cerca de um ano no Centro de Emprego de Cascais, não recebendo, obviamente, qualquer subsídio de desemprego. O que está absolutamente correcto.
Quando se inscreveu no dito Centro, fez questão de "lembrar" algumas coisas básicas:
Fora Secretária da Administração na Telefónica em Lima (equivalente à nossa PT); Lia relativamente bem o português, falava português pouco fluente, desconhecia a gramática portuguesa e, por isso, tinha muita dificuldade em escrever na língua de Camões, razão porque solicitou a inscrição num curso básico de Português.
A solícita funcionária que a atendeu, quis logo inscrevê-la no "nível 5" e foi a custo que aceitou a sugestão da minha mulher e a inscreveu no "nível 1", ficando então combinado que, assim que se iniciassem os ditos cursos, ela seria chamada.
Ao contrário do que acontece a milhares de portugueses, volvidas umas semanas recebeu um ofício para se apresentar na empresa "X", que procurava uma funcionária com as suas características.
Só que uma das "características" principais, era o perfeito domínio da língua portuguesa.
E isto repetiu-se por cinco vezes, tantas quantas a acompanhei ao Centro de Emprego onde ela voltou a explicar a necessidade de frequentar um curso de português ou, em alternativa, a possibilidade de trabalhar numa empresa que precisasse de alguém que falasse espanhol.
Numa das últimas vezes que nos deslocámos ao Centro de Emprego, a minha mulher "arriscou" perguntar quando começavam os benditos cursos!? Resposta: Ah! Começou um no início de Janeiro... (????????)
E porque não me avisaram, como combinado?
Sim, pois, sabe como é...!?

No início da passada semana, recebeu novo ofício do Centro de Emprego, para apresentar-se no local no dia 9 (sexta-feira passada), para frequentar o famigerado curso.
Satisfeita, levei-a a Cascais, pedindo-lhe que me avisasse logo que estivesse disponível para a ir buscar.
O que aconteceu menos de 15 minutos depois...
Sabem porquê?
Porque o bendito curso era destinado a pessoas estrangeiras... mas JÁ EMPREGADAS, para desempregados, teria de aguardar, pois o IEFP (o Governo) não tinha verbas!

Para quem souber responder-me, deixo quatro perguntas:
1.ª - Se um estrangeiro não fala/escreve correctamente o português, não consegue emprego;
2.ª - Se não consegue emprego, não pode frequentar um curso que lhe faz tanta falta;
3.º - Se não recebe qualquer subsídio (repito, com toda a lógica), porque não pode frequentar um curso de português... só porque o IEFP não tem dinheiro?
4.ª - Antes de convocar um(a) desempregado(a), o Centro de Emprego não consulta a sua base de dados para confirmar se o(a) candidato(a) pode (?) ou não frequentar o curso... porque está desempregado(a)?
Não só não consegue emprego para ganhar uns eurozitos, como ainda tem de gastar outros eurozitos em deslocações perfeitamente absurdas e desnecessárias!

E apregoa o (des)governo que o desemprego continua a baixar...
SIMPLEX !



Publicado por rui.freitas às 01:05
Link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Centro de Emprego ou "pes...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS