Quarta-feira, 6 de Outubro de 2010
Jornal de Oeiras, afinal, respondia ao "Oeiras Local"

Quando não somos claros e directos na expressão da nossa opinião, os erros acontecem. E foi exactamente a "Nota de Redacção" do Jornal de Oeiras que lançou a confusão e me levou a errar, razão pela qual me cumpre apresentar desculpas ao referido Semanário dirigido por Alexandre Gonçalves.

Tal como escrevi, antes de responder ao que julgava ser uma "indirecta" ao "Pinhanços dixit..." (que havia citado o JO há bem poucos dias), cuidei de pesquisar se, neste blog, havia qualquer referência a considerar aquele órgão de Comunicação Social como sendo "público"; o contrário de privado... E não encontrei. Como não encontrei tal referência nos comentários e respectivas respostas e contra-respostas.

Mais; para não "meter água", tive o cuidado de pesquisar em "blogs amigos" e, confesso, não dei com o epíteto.

Só que ele estava lá, existia, mas não no "Pinhanços" e sim no "Oeiras Local", onde até colaboro.

Como a própria administradora do referido blog já aqui assumiu, em comentário, a referência a jornal "público" foi feita no "OL".

Acontece, quando todos não falamos claro... O que me leva a, mais uma vez, apresentar o necessário pedido de desculpas ao Alexandre e à sua equipa.



Publicado por rui.freitas às 23:32
Link do post | Comentar | Ver comentários (10) | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 5 de Outubro de 2010
Jornal de Oeiras responde ao "Pinhanços dixit..."

Demorou duas semanas mas, finalmente, chegou a resposta por parte do Jornal de Oeiras ao meu post do dia 21 de Setembro.

Surge como "Nota de (ou da?) Redacção" e, apesar de desrespeitar o (des)Acordo Ortográfico (tal como eu), apenas me vem dar mais razão; primeiro, por não estar assinada e, por isso, responsabiliza toda a Redacção do Jornal - Alexandre Gonçalves (Director), Marta Domingues Martins, Milene Matos Silva, Miguel Morgado e Sofia Azevedo. Como o Jornal de Oeiras não tem Chefe de Redacção, dou de barato e faço de conta que foi a Estagiária a responsável pelo escrito.

Depois, porque, tratando-se de uma "Nota de Redacção" isenta e transparente, deveria - sem medo - dizer a que blog se refere, sendo óbvio para mim que o visado é o "Pinhanços dixit...". Aliás, verifiquei noutros blogs e não encontrei a dita referência...

Finalmente, mesmo presumindo que não deveria ser nada comigo (pois eu só emito opinião quando sei do que estou a falar), dei-me ao trabalho de procurar no meu post intitulado "Calçar um par de patins" se, por lapso ou devido à pressa, teria escrito que o referido Jornal era um órgão de comunicação "público"... e não vislumbrei tal referência, nem no texto nem nos comentários que, como sabem, são livres e não sujeitos a qualquer tipo de censura. E, de novo, não encontrei o malfadado termo "público"... a menos que tenha lido mal (?).

Tenho para mim que, tal como respondi a um comentador, o Alexandre Gonçalves que eu conheço e penso ser meu amigo, anda a "engolir em seco" com a orientação que pretendem dar ao Semanário que dirige...

À vossa consideração, deixo o escrito publicado na página 6 da edição n.º 316, Ano VII, de 5 de Outubro de 2010 do Jornal de Oeiras:

 

(clicar, para ampliar)

 

A talho de foice, reparei - por mero acaso e assim por alto... - que esta edição conta com o apoio publicitário (entre outros, claro) das "Juntas de Freguesia do Concelho de Oeiras" - mesmo faltando Algés, Oeiras e S. Julião da Barra e Porto Salvo (uma página), SMAS (uma página), Junta de Freguesia de Carnaxide-Festas (meia página), Parques Tejo (meia página) e Centro de Artes Dramáticas de Oeiras (última página), em co-produção com a CMO, SMAS, Antena 2, etc...

Com a devida vénia, reproduzo o último parágrafo do artigo assinado por Luís Roldão, publicado na página 2 e intitulado "A Implantação da República Portuguesa":

"Res inter alios acta aliis nocere non protest", que próprio autor traduziu como: "o negócio feito entre uns, não pode prejudicar a outros". Nem mais...

Na verdade, fazendo fé na tradução apresentada, não consegui descortiná-la em qualquer dos dicionários que consultei. Falha minha, certamente!



Publicado por rui.freitas às 23:20
Link do post | Comentar | Ver comentários (11) | Adicionar aos favoritos

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Jornal de Oeiras, afinal,...

Jornal de Oeiras responde...

Arquivos

Agosto 2014

Dezembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Outubro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Links aconselhados
Mais sobre mim
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
RSS